A principal razão pela qual conhecemos Leonardo DiCaprio é por causa de sua habilidade de atuação, desde que ele apareceu quando ele era praticamente uma criança em Titanic, nós apenas queremos mais e mais filmes com ele.

O vencedor do Oscar também tem outra grande virtude, muito maior e que é pouco valorizada, doou mais de 100 milhões de dólares para instituições de caridade através de sua Fundação Leonardo DiCaprio (LDF). Seu grande coração move qualquer um.

Qualquer jovem estaria pensando em desperdiçar seu dinheiro como se ele fosse O Lobo de Wall Street. Em vez disso, Leonardo criou a empresa aos 24 anos. Hoje ele tem 44 anos e desfruta das conquistas que a empresa alcançou durante esses 20 anos. Na comemoração do 20º aniversário da empresa e de seu aniversário, o ator aproveitou a oportunidade para fazer mais um anúncio, vai investir mais 11 milhões na empresa que será distribuída nas seis áreas programáticas da fundação.

DiCaprio financiou mais de 200 projetos em 50 países diferentes, apoiando modestamente 132 organizações. Com os 11 milhões que confirmou, ultrapassará os 100 milhões de dólares que concedeu durante esses 20 anos. Como sua performance em Django, é para levantarmos e aplaudirmos.

“Quando fundei a LDF há 20 anos, fiz isso com base na simples ideia de que poderíamos fazer uma diferença real ao financiar diretamente alguns dos projetos ambientais mais eficazes, sejam eles indivíduos, movimentos de base ou grandes organizações sem fins lucrativos, nas quais nós queríamos nos concentrar e fornecer apoio àqueles que poderiam ter o maior impacto em favor da conservação de habitats, espécies, energia renovável, mudança climática, direitos indígenas e muito mais. Temos muito orgulho em comemorar 20 anos desse modelo.”

Declaração do LDF de Leonardo DiCaprio

As seis principais áreas da fundação são a conservação de terras selvagens, conservação de oceanos, mudanças climáticas, transformação da Califórnia, direitos indígenas e soluções inovadoras. Juntamente com a sua posição como o mais alto representante do LDF, Di Caprio é também membro do conselho de diretores do World Wildlife Fund (WWF), o National Geographic Defense Council for Natural Resources e Pristine Seas.

Todo mundo faz o que quiser com o dinheiro, você não pode pedir a todos os artistas que ajudem, mesmo que seja Leonardo DiCaprio. Mas é legal ver alguém tão distante do material e preocupado com o que o rodeia e com aqueles que o cercam.

Espero que possamos ler mais notícias de artistas com esses ideais.

Tradução e adaptação A Soma de Todos os Afetos, via UPSCOL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here