Nesta segunda-feira (5), o homem que disparou contra o passeador dos cachorros de Lady Gaga na tentativa de roubar os buldogues franceses da artista foi condenado a 21 anos de prisão em um tribunal de Los Angeles.

Foto: Reprodução/Instagram

James Howard Jackson e outros dois homens atacaram Ryan Fischer em uma rua de Hollywood em fevereiro de 2021. O caso foi muito comentado nas mídias e redes sociais.

Os cães chegaram a ser levados e a artista ofereceu uma recompensa de US$ 500 mil para recuperá-los. Os peludos foram entregues de volta à artista por uma mulher, acusada de cumplicidade no crime e receptação de produtos roubados.

O passeador sofreu sequelas do ataque e, em suas redes sociais, revelou que sofreu um colapso pulmonar.

Ryan Fischer, passeador de cães de Lady Gaga. — Foto: Reprodução/Instagram/Valley of the Dogs

O responsável pelo ataque desistiu da ação depois que os promotores concordaram em retirar acusações adicionais de roubo e agressão, entre outras.

“O acordo responsabiliza Jackson por cometer um ato de violência a sangue-frio e traz justiça para nossa vítima”, disse um comunicado do escritório do promotor distrital.

Os outros dois agressores também estão presos pela participação no crime.

Com informações de R7

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui