Um vídeo que vem circulando as redes sociais causou revolta em muitos interautas. Um casal fez um chá revelação diferenciado e, para revelar o sexo do bebê, tingiram a água de uma cachoeira com a cor azul.

A decisão, um tanto quanto problemática, será investigada pelo Ministério Público do Mato Grosso, após uma denúncia. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, é possível que haja crime ambiental, e os responsáveis pelo ato deverão responder.

Foto: Reprodução Twitter

 

De acordo com um jornalista local, os vídeos foram apagados da internet, mas já circulam por muitas redes sociais depois de terem repercussão negativa.

O chá aconteceu no domingo (25), e o local estava decorado com balões nas cores azul e rosa. No vídeo é possivel ver a água da cachoeira toda tingida da coloração azul, além de um sinalizador na mesma cor, que foi aceso perto do local.

A cachoeira se chama Rio Queima Pé, em Tangará da Serra e fica a 242 km de Cuiabá, capital matogrossense. A Secretaria afirmou em nota que notificará o proprietário da área, que deve informar os responsáveis pela festa.

Será apurado também se houve dano ambiental do material lançado na água, dependendo do material utilizado na coloração. “Havendo crime ambiental, os responsáveis serão autuados e poderão responder por crime ambiental”, explica a nota.

Veja o vídeo:

Com informações de Yahoo

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui