Soraya é uma mulher de 29 anos que não teve uma surpresa agradável ao receber seu novo cartão de crédito. Ela o solicitou online, em um banco digital, mas ao receber o envelope percebeu que algo estava errado.

O seu sobrenome havia sido trocado por uma palavra ofensiva e ao lado do seu primeiro nome, estava escrito “vagabunda”.

Esse caso foi registrado em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, na segunda-feira (27). Depois do ocorrido, a mulher pediu indenização por danos morais.

Responsável pelo caso de Soraya, o advogado Ederson Lourenço explicou que na conta do aplicativo o nome também foi trocado.

“Ela pediu a renovação, quando foi conferir os dados, estava escrito Soraya vagabunda. Além do cartão, a conta do aplicativo dela também foi modificada”, disse o profissional.

Além disso, o advogado também contou que a mulher já é cliente do banco há um ano.

“Eu perguntei se houve alguma discussão durante o atendimento por telefone, mas ela afirma que não”, esclareceu.

De acordo com a Campo Grande News, a mulher pediu uma indenização de R$50 mil por danos morais. O banco responsável informou que não pode fornecer informações sobre as operações e alegou que “as informações somente podem ser fornecidas diretamente ao consumidor ou na forma autorizada”.

A empresa finalizou afirmando que está à disposição dos clientes por meio dos canais oficiais para esclarecimento de dúvidas e resolução de problemas.

Com informações de RicMais

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui