Esses três cãezinhos foram adotados no Terminal Barreirinha, na zona noroeste de Curitiba e receberam os nomes de Max, Pitoco e Zoinho. Os peludos foram vistos perambulando pelo local e os funcionários perceberem que eram cãezinhos de rua.

funcionarios-de-terminal-adotam-tres-caes-de-rua
Foto: Reprodução

Os trabalhadores então, decidiram providenciar comida, agasalho e muito carinho para o trio. Os peludo foram imediatamente abraçados pela comunidade do local, que ajudou na escolha dos nomes.

A princípio, foram colocadas tigelas com ração e água fresca para os três. Aos poucos, o carinho dos funcionários do terminal aumentou e eles decidiram dar ainda mais aos cães.

Com a ajuda da ONG Cão de Barreirinha, que atua no entorno do terminal auxiliando animais em situação de rua, eles fizeram caminhas com pneus velhos, com cobertores e edredons, para que os animais se aquecessem nos dias frios.

Foto: Reprodução

Os funcionários do local se revezam nos cuidados e os cãezinhos recebem muito carinho dos passageiros que esperam a chegada do ônibus. Alguns moradores do bairro também contribuem para o bem-estar de Max, Pitoco e Zoinho.

A iniciativa dos funcionários foi incluída no projeto “Cães Comunitários”, organizado pela Secretaria do Meio Ambiente de Curitiba em 2013. A cidade conta atualmente com 160 animais mantidos por grupos comunitários – igrejas, empresas, sindicatos, faculdades, etc.

Foto: Reprodução

O projeto permite que os animais de rua tenham acesso a avaliação médica, oferece castração, vacinação e vermifugação e dá dicas para criar os cães em ambientes públicos: alimentação, higiene, cuidados com cães agressivos, etc.

Os cães do projeto recebem também microchips, para que seja possível identificar os hábitos dos animais.

Curitiba é uma cidade pioneira em projetos como esse e detém o recorde de realocação no Brasil: 25% dos cães recolhidos encontram uma nova família.

Com informações de Cães Online

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. São cúmplices de Deus, os anjos humanos que conseguem sentir a dor do outro e sua carência e adivinhar que precisam de acolhimento, agasalho e comida porque sofrem tanto quanto nós. Humildemente beijo as mãos destas pessoas especiais que eu não conheço, mas Deus as conhece, protege e abençoa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui