Matthew Wheaters é um professor que se destacou pela forma que leciona em seu canal do Youtube. Através de sua criatividade ele conseguiu inovar a forma de ensinar e cativa milhões de estudantes.

O professor grava a si mesmo dando as aulas, espelha o vídeo e grava novamente, criando uma interação consigo mesmo. A ideia sempre foi descontrair o ambiente e tornar tudo mais leve.

Foto: Reprodução Youtube

Mas, sua ideia foi tão boa que ele acabou ganhando um reconhecimento ímpar. Atualmente, ele tem mais de um bilhão de visualizações em seu canal no Youtube.

“É interessante ver a reação deles e definitivamente é um diferencial. Tento fazer as minhas aulas o mais interessante possível, deixando o espaço mais descontraído, mas os vídeos são minha marca registrada”, conta ele ao G1.

O professor se aventura no mundo dos vídeos desde 2007 e ele evoluiu junto das tecnologias de produção.

Foto: Mike Villa / The Chimes

“Nos primeiros anos, alunos de cinema que faziam minhas aulas de Matemática me ajudavam com os vídeos. Mas, nos últimos anos, decidi que eu devia aprender a usar os programas de edição por conta própria. Ainda assim, sempre tive ajuda para gravar e editar os vídeos”, revela o docente.

Matthew escreve, dirige e edita seus vídeos, além de ser um ator excepcional. Ao vivo, ele precisa interagir perfeitamente com o “Matthew gravado” e com isso ele cria cenas impecáveis. Há momentos em que eles possuem longos diálogos e discussões.

Os vídeos interativos chegam a demandar cerca de 20 horas para ficarem prontos. Por isso, no momento, Matthew tende a elaborar apenas um por semestre, já que trabalha ativamente na escola também. Porém, o sucesso de seu inovador conteúdo ainda lhe fornece reconhecimento.

“Uma pessoa na Jordânia viu meus vídeos e me convidou para participar de uma conferência lá e produzir um vídeo especial para eles. Então, fui até a Jordânia participar de um evento de tecnologia graças aos meus vídeos”.

 

Além disso, a monetização dos conteúdos no Youtube permite ao professor fazer uma renda extra. “Não é o bastante para me deixar rico, mas me ajuda a tirar férias confortáveis”, brinca.

Com informações de Fatos Desconhecidos

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui