Esse casal de Foz do Iguaçu, no Paraná resolveu inovar para que o sonho da casa própria finalmente fosse realizado. Juntos, Dóris Dias e Robson Lopes usaram garrafas de vidro recicláveis para construir sua casa e finalmente conseguiram se livrar do aluguel de forma econômica, segura e sustentável.

“Além de tirar as garrafas do meio ambiente, ainda vou ter meu cantinho. Não vejo a hora!” disse Dóris durante o processo.

A casa própria de Dóris e Robson.
Foto: Reprodução

 

Assim que se casaram, Dóris e Robson viveram por um tempo na casa dos pais da mulher, por não conseguirem pagar o aluguel de uma casa só para eles. A vida do casal sempre foi de muita luta, mas eles ganharam um terreno de presente da família e assim puderam colocar em prática a realização do sonho.

A partir disso Dóris começou a pesquisar projetos de casas sustentáveis e teve a ideia de usar garrafas de vidro. O casal reuniu milhares de garrafas até que atingiram o objetivo: 10 mil.

“A maioria dos brasileiros não tem condição de ter a casa própria. É muito difícil conseguir uma casinha. Esse é um sonho meu. Antes eu pensava que de jeito nenhum ia conseguir, mas agora vejo que está cada vez mais perto”, comenta Dóris.

Além de terem grande força de vontade, quando começaram o projeto, passaram a ficar conhecidos em sua cidade e receberam ajuda de muitas pessoas na arrecadação de garrafas.

Foto: Reprodução

“Procurei as garrafas em bueiros, nas ruas e fiquei impressionada com o tanto que encontrei. As pessoas não pensam em aproveitar nada. No Brasil não se pensa muito na sustentabilidade. Vi casas com garrafas na Bolívia, Tailândia e outros lugares”, comenta a mulher.

Foi no mês de abril que Dóris e Robson finalmente atingiram a quantidade necessária, e então partiram para a mão na massa: compraram os materiais de construção para a estrutura e começaram as obras.

A casa própria de Dóris e Robson.
Foto: Reprodução

A casa já está quase pronta e tem 70m². Foram usadas estruturas de ferro para a sustentação, e as paredes foram erguidas usando as garrafas e cimento. Até o momento o casal gastou cerca de R$3.000,00 na obra, mas continuam aceitando ajuda e doações para que a construção não seja interrompida.

Com informações de Melhor com Saúde

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui