Tango Steinke é uma mulher norte-americana que quando se mudou para sua casa na Virgínia, descobriu que tinha alguns vizinhos bastante barulhentos. Era um casal de corvos os quais ela batizou de Doc e Dottie.

A mulher separou cantinho para as aves atrás de sua casa e sempre oferecia comida para os dois. Sem nem perceber, Steinke estava construindo uma bela amizade com os pássaros.

Foto: Reprodução Redes Sociais

“Eles vinham aleatoriamente, e eu jogava amendoins no caminho deles”, disse Steinke. “Eu já estava alimentando os outros pássaros e esquilos, então estender a alimentação para os corvos fazia sentido.”

Foi assim até que o inverno chegou e as fontes de alimentos se tornaram escassas. Doc e Dottie começaram a visitá-la quase todos os dias. “Eles não se aproximavam de mim, mas iam comer os amendoins depois que eu entrasse”, disse Steinke. “Ao longo do primeiro mês de visitas regulares, eles se tornaram mais vocais sobre sua chegada. Eles grasnavam na janela do meu quarto nos fins de semana até que eu levantasse para alimentá-los. ”

Foto: Reprodução Redes Sociais

As vezes, os dois ainda levavam alguns amigos para fazer o lanchinho da casa da amiga humana. Assim, Steinke construiu um pequeno poleiro para os corvos na sacada do terceiro andar.

Agradecidos, os corvos começaram a trazer pequenos presentes para a mulher, sempre algum objeto diferenciado.

“Desde então, eles deixaram presentes variados: um botão, bolotas, pedaços de metal, uma bolinha de gude surrada, restos de cerâmica e tampinhas de refrigerante.”

“Normalmente, uma vez por mês, encontro algo deles no alimentador”, acrescentou.

A alegria dos pássaros foi tanta que, na primavera passada, o casal teve um corvo bebê e agora eles são uma família de três (ou quatro, se for conta a Steinke).

“Tornou-se mais do que corvos se alimentando no meu quintal”, disse Steinke. “Eles nos seguem até o ponto de ônibus de manhã, ficam no parquinho e, mais notavelmente, acionam o alarme se um dos meus filhos cair.”

“Eu não sei se eles estão apenas cuidando deles ou se eles não confiam em mim para cuidar deles”, brincou ela. “Mas eles nunca estão muito longe quando saímos.”

@tangobird They couldn’t carry it all themselves #corvid #crow #crowtok #birdwatchinggoesbothways #bird #crowfriends #fyp #foryou #crowvid #crowtiktok ♬ original sound – Tango

Um belo dia, os corvos chegaram até a deixar algumas moedas para a mulher.

@tangobird Crows are amazing. #crowtiktok #corvid #crow #crowtok #birdwatchinggoesbothways #freemoney #fyp #foryou #birdtok #crowtok ♬ original sound – Tango

A amizade já dura dois anos e os corvos confiam nela e sabem que ela faria o mesmo por eles se precisassem.

 

Com informações de Histórias com Valor 

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui