Os desenhos das crianças são ótimos registros da infância e os papais e mamães, geralmente, tem muito orgulho de guardar essas lembranças. Muitos colocam na porta da geladeira, colam nas paredes e até mesmo emolduram. Mas, esse pai encontrou uma maneira muito diferente de guardar os desenhos.

follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-03
Foto por Chance Faulkner

Já faz 7 anos que Keith Anderson coleciona tatuagens em seu braço direito, uma para cada ilustração feita por seu filho. Ele começou o projeto quando o pequeno tinha 4 anos e todos os anos atualiza seu braço com uma nova obra prima.

follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-05
Foto por Chance Faulkner

“Eu não conheço ninguém e também nunca ouvi falar sobre pais que tatuam as artes originais de seus filhos na pele. Eu achei isso muito divertido. Vou continuar até que ele não queira mais fazer isso”, revelou o pai

follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-10
Foto por Chance Faulkner
follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-06
Foto por Chance Faulkner

O primeiro desenho tatuado foi um margarida e foi feito quando a criança estava no jardim de infância. Os temas das tatuagens são diversos: cavalos marinhos, robôs, a bandeira do Canadá e até mesmo artes abstratas!

follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-07
Foto por Chance Faulkner
follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-04
Foto por Chance Faulkner

“Recentemente meu filho foi comigo no estúdio e ele mesmo fez alguns traços na minha pele. Ele adora e ainda está muito animado com esse projeto, por isso vamos continuar. As pessoas me perguntam o que vai acontecer se eu ficar sem espaço. Eu acho que vou ter que dizer para ele desenhar imagens menores!”, contou Anderson.

follow-the-colours-pai-tatuagem-filho-keith-anderson-08
Foto por Chance Faulkner

Com certeza essa é uma ideia inovadora que fortalece o vínculo desse pai com seu filho. Uma ótima proposta para papais e mamães corajosos!

Com informações de Follow The Colours

Todas as imagens foram capturadas pelo fotógrafo canadense Chance Faulkner.

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. Esse paizão chamado Keith Anderson merece um voto de louvor por valorizar tanto assim a arte de seu filho, a ponto de imprimi-la em sua pele, tão sagrada e bela como foi concebida, “em branco”, quanto os desenhos do seu filho. Fico pensando se, ao invés de um, fossem quatro ou cinco filhos desenhistas, se haveria tanto espaço assim para os desenhos de todos eles.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui