A mulher mais velha das Filipinas e do mundo, Francisca Susano, partiu nesta segunda-feira (22) aos seus 124 anos. A Prefeitura de Kabankalan, cidade onde ela morava, fez o informe oficial.

A mulher era mais conhecida por seu apelido, Lola Iska, e poderá receber, de maneira póstuma, o título de mulher mais velha do mundo pelo livro dos recordes.

Foto: Prefeitura de Kabankalan

O pedido já havia sido feito com Lola ainda em vida, em seu aniversário de 124 anos, mas  mas ainda é avaliado por uma comissão de especialistas do Guinnes World Records.

A Prefeitura de Kabankalan emitiu um comunicado de condolências e disse manter orações para Susano e sua família neste momento de luto. “Lola Iska sempre estará conosco como nossa inspiração e orgulho”, disse a nota.

Lola em seu aniversário de 124 anos. Foto: Prefeitura de Kabankalan

A filipina alegrava todos que passavam por perto, ela tinha uma paixão por tocar gaita e já chegou a fazer sucesso na internet com um vídeo tocando seu instrumento favorito.

Além da gaita, outro segredo da longevidade de Susano, segundo sua neta, era a dieta baseada apenas em ingredientes frescos.

A mulher nasceu em 11 de setembro de 1897, quando o país ainda era uma colônia da Espanha. Lola teve 14 filhos, um deles, também centenário, com 101 anos.

Com informações de G1

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui