“Ela aprendeu a linguagem de sinais e disse ‘tenha um bom dia’”, contou Tim, um entregador inglês depois que essa garotinha de apenas 8 anos aprendeu a linguagem de sinais para se comunicar com ele.

Muitas vezes pensamos que tudo o que é aprendido pelas crianças é ensinado pelos pais. Mas, diversas vezes podemos nos surpreender com as atitudes dos pequenos e com lições que nenhum pai poderia pensar. Isso porque sua pureza e bom coração só os levam a pensar positivamente.

Esse foi o comportamento de uma menina de 8 anos do Reino Unido, que fez amizade com um entregador de sua vizinhança e, embora o homem fosse uma pessoa com deficiência auditiva, a menina aprendeu a língua de sinais e mostrou que a inclusão é fundamental.

Pelo menos uma vez por semana, a pequena Tallulah de Manchester é visitada pelo entregador Tim Joseph, que passa pelo bairro dela para fazer as entregas do dia. Por isso, e durante a quarentena, a menina desenhou um arco-íris para o mensageiro, agradeceu-lhe o trabalho e desde então, eles iniciaram uma bela amizade.

Twitter @mummybear1903

“Este gentil entregador é muito querido por minha filha. Ele exibe com orgulho o desenho que ela fez especialmente para ele na cabine de seu caminhão. Desde então, os dois construíram uma grande amizade, ainda mais nas últimas semanas”, disse Amy Roberts, mãe de Tallulah.

No entanto, a menina queria aprender como se comunicar com seu novo amigo e, ao saber que ele era surdo, decidiu aprender a Língua de Sinais Britânica e levar sua amizade para o próximo nível.

Com muito trabalho, a garotinha não só cumprimentou Tim de maneira amável, mas com as próprias mãos disse “Tenha um bom dia!”. Algo que o entregador não esperava.

“Tallulah percebeu que eu era surdo e um dia ela me surpreendeu quando me chamou, ‘tenha um bom dia.’ Acho que ela deve ter aprendido a linguagem de sinais na escola”, contou Tim em entrevista à BBC.

Vendo a reação positiva das pessoas com sua história, o entregador aproveitou a oportunidade para lançar uma mensagem para abraçar a inclusão: “Espero que mais pessoas aprendam a ser tão empáticas quanto essa garota e que possamos reunir mais pessoas em torno de algo bom”, finalizou.

 

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui