Na Escola Primária Ayresome, na Inglaterra, existe uma controvérsia sobre a forma como alguns pais usam roupão, pijamas e chinelos para deixar ou buscar os filhos no local.

Um debate sobre o assunto foi aberto desde que alguns pais concordam com o pedido da escola, já outros discordam. Segundo o MetroNews, o número de robes, chinelos e pijamas aumentou durante a pandemia.

Crédito: Richard Rayner

Diante disso, a diretora do estabelecimento, Charlotte Haylock, postou no Facebook um lembrete para manter uma imagem de acordo com o que os alunos aprendem. “Use roupas adequadas ao acompanhar seus filhos para a escola. Como escola, incentivamos nossos filhos a se vestir adequadamente em todos os momentos e acreditamos que é importante que os pais façam o mesmo”, escreveu ela no post.

Isso gerou opiniões amplamente divididas. Por um lado, há os pais que apoiam a causa por ser algo vergonhoso e não fazer sentido porque vestir-se melhor não deve custar muito. “Estou absolutamente farto disso. Não é difícil se vestir de manhã. Imagine o quanto essas crianças serão ridicularizadas quando entrarem na escola”, disse um pai, que pediu para permanecer anônimo.

Crédito: Richard Rayner

Aimee Baker é outra responsável que também se opõe a esse costume. “Não há desculpa para não ter que se lavar e se vestir todas as manhãs”, relatou a mãe.

Outros pais apelam para o possível bullying que os filhos podem sofrer por causa disso, e também pela possibilidade de crescerem achando que é correto não se preocupar com a vestimenta.

Crédito: Richard Rayner

Em vez disso, o outro extremo mostra alguns defensores desse hábito nas redes sociais. Natasha Davis prioriza que as crianças vão à escola, que é o que realmente vale. “Se as pessoas querem usar pijama para levar as crianças, então podem, contanto que as crianças cheguem à escola, é isso que conta”.

Outros mencionaram que o estabelecimento é muito “crítico” diante disso sem saber as circunstâncias que podem estar acontecendo nessas famílias, classificando a escola como preconceituosa.

E você, o que pensa a respeito? Conta pra gente!

 

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui