Algumas mães de alunos norte-americanos estão demonstrando preocupação diante de um novo desafio das redes sociais, que também pode ser chamado de “trend”. O propósito é depredar a escola onde estudam.

O desafio está com maior fama nos Estado Unidos, na plataforma do TikTok, e os adolescentes são instigados a compartilhar imagens que mostrem eles mesmos destruindo banheiros ou roubando itens como sabonetes, frascos de álcool gel, computadores e portas.

Foto: Reprodução/Twitter

Com o objetivo de solucionar o problema e colocar um fim nessa moda, a plataforma afirmou que bloqueou todos os conteúdos relacionados ao “desafio”, porque “não permite materiais que promovam atividades criminosas”.

Em um caso que ocorreu em um colégio do estado da Carolina do Norte, o acesso aos banheiros foi bloqueado, para evitar os atos de vandalismo.

“Meu filho, que tem autismo, não pode mais ir sozinho ao toalete, onde ele se sentia seguro, porque a escola não tem como confiar nos alunos”, afirma Jenn Bureau.

Foto: Reprodução/Twitter

Já no estado do Missouri, outra mãe compartilhou um relato em redes sociais. “Esse desafio é ridículo e destrutivo. Atingiu a escola do meu filho, e os banheiros foram fechados. É um problema de saúde pública”, escreveu.

As escolas agora pedem apoio dos pais para alertar aos filhos a gravidade desse desafio.

“Nós vamos investigar todos os vídeos postados e responsabilizar os alunos envolvidos. Por favor, converse com seu filho imediatamente”, afirma o comunicado da escola River Ridge High School, na Flórida.

 

Com informações de G1

 

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui