A atriz Drica Moraes, após fazer parte do elenco do seriado “Sob Pressão”, da TV Globo, passou a refletir um pouco mais sobre a representatividade negra em diversos espaços.

O seriado retrata os dramas e os dilemas da equipe de emergência de um hospital público e a relação improvável entre dois médicos que superam todos os limites para manter os pacientes vivos em um hospital onde tudo falta.

Drica Moraes como Vera, médica de ‘Sob Pressão’. — Foto: João Cotta/Globo

Depois do contato com o enredo da série, Drica contou que passou a refletir mais sobre essa temática. Ela ressaltou também a importância da representatividade na dramaturgia e garante que simples atitude na ficção provocou uma verdadeira reflexão dentro de sua casa.

A atriz é mãe de Matheus, de 12 anos, e celebrou a escalação de David Junior para viver o médico na atração, dando as boas-vindas ao colega.

“Um ator negro ocupando esse espaço que geralmente era dado a um ator branco. Sendo mãe de um filho preto, eu resolvi ter uma ação afirmativa de trocar todos os meus médicos.”, contou.

Drica Moares e o filho Matheus — Foto: Instagram

“Liguei para todo mundo e falei ‘tchau’, vou em busca de médicos negros. Só não larguei do meu oncologista porque realmente eu devo a vida ele”, revelou.

Drica Moares e o filho Matheus — Foto: Instagram

“Dentista, ortodontista, alergista, dermatologista, professores, o professor de história, tem que ser preto. Ali o mundo se abriu pra mim. São pessoas que estão ralando há anos sem acesso e sem o véu da descoberta ser desvendado.”, explicou a atriz.

Drica também aproveitou para celebrar a atitude de inclusão de mais personagens negros na história, e revelou como as atitudes descritas acima a tocaram.

“Foi um movimento muito legal. Quando você vai atrás do Brasil, encontra os brasileiros!”, afirmou.

Com informações de GShow

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. Médicos brancos ou negros. Pacientes negros ou brancos. Sacerdotes brancos ou negros. Fiéis negros ou brancos. Anjos brancos ou negros. Deus branco ou negro. Escolher esta ou aquela cor não vai influenciar o conteúdo de cada qual, sua real importância e seu valor verdadeiro porém preferindo negros ao invés de brancos corre-se o risco de discriminar os brancos também, tão sagrados e importantes quanto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui