Os drones que compuseram o show da abertura das Olimpíadas de Tóquio fizeram sucesso com os telespectadores. E não é à toa, o resultado foi encantador e mágico!

A abertura das Olimpíadas de Tóquio ocorreu nesta sexta-feira (23/07) e aconteceu pela primeira vez sem público nas arquibancadas.

A cerimônia teve como um dos destaques desenhos formados por drones no céu. O show contou com 1.824 desses aparelhos para compor o resultado final.

Os drones iluminados formavam imagens em movimento, em uma apresentação sincronizada, que mostrou um enorme globo acima no estádio olímpico. Em conjunto com luzes de LED, os drones fizeram a coreografia coordenada.

Foto: Reprodução OCP News

Para planejar o show, o primeiro passo é a criação da apresentação em 3D a partir de um programa de computador. Assim, é gerada uma prévia dos movimentos que garante que os equipamentos não vão bater uns nos outros.

Os drones calculam a trajetória necessária para fazer aquelas imagens, como a do globo, com base nesses comandos. Segundo a fabricante dos aparelhos, um único computador é responsável por controlar até milhares de máquinas.

A empresa diz ainda que estuda as áreas seguras para o voo, a posição dos espectadores e os melhores ângulos de visão para o show. Os valores específicos do show em Tóquio não foram divulgados, mas apresentações como essa podem custar mais de US$ 300 mil.

Com informações de G1

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui