Existem pessoas que desenvolvem um amor especial pelos animais e não hesitam quando tomam a decisão de acrescentar um companheiro às suas famílias. Embora seja normal ver um cão ou gato como animal de estimação, também existem casos mais atípicos, como Hisao Mitani e sua tartaruga gigante africana chamada Bon-chan.

Este avô de Tóquio, no Japão, é popular por ser constantemente visto nas ruas desta cidade passeando com seu amigo réptil. Ambos são surpreendidos por dezenas de curiosos que pedem uma foto, enquanto caminham lentamente.

Sugoimart / TikTok

Hisao comprou o Bon-chan há mais de 20 anos, sem saber exatamente que tipo de tartaruga era, quando sua esposa se apaixonou pelo animal em uma loja de animais. Naquela época cabia na palma de uma mão, mas com o passar dos anos ficaram impressionados, já que o animal não parava de crescer.

Sugoimart / TikTok

Na verdade, quando completou 10 anos, Bon-chan mostrou sinais de seu grande tamanho, característico de sua raça. Embora essa dupla já fosse conhecida na cidade há muito tempo, recentemente, com uma publicação na rede social TikTok, sua fama cresceu.

Sugoimart / TikTok

Atualmente a tartaruga tem cerca de 25 anos e pesa aproximadamente 70 quilos. Em conversa com a AFP em 2015, o avô disse que “não achava que seria tão grande” quando a trouxe para casa. Mas, felizmente, ela agora é uma companheira leal que sai diariamente com ele para um passeio.

Bon-chan ajuda Hisao a distrair sua mente de estar trancado em casa, então ele sai para dar uma caminhada por alguns minutos. Porém, essas viagens, que deveriam ser breves, tornam – se horas, devido à lentidão do réptil e à interrupção dos interessados em tirar uma foto com ele. Na verdade, entre os lugares que visitam está uma casa funerária, onde o animal tira alguns sorrisos dos que frequentam o local.

Sugoimart / TikTok

“Algumas pessoas podem dizer que é um absurdo ter uma tartaruga tão grande na entrada de um funeral. Mas, mesmo em seus momentos tristes , as pessoas sorriem ao vê-lo, então não acho que seja uma má ideia”, disse o avô.

Embora estes companheiros lentos saiam para passear todas as manhãs, Hisao admite que está envelhecendo e que em algum momento a tartaruga ficará sozinha . “Ouvi dizer que esse tipo de réptil vive cerca de 80 anos, então é certo que irei antes dele”, completa.

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui