Dexter é um cãozinho muito carismático que foi adotado por Kentee Pasek e sua família no ano de 2015 e rapidamente se tornou um membro oficial da casa. Nove meses depois, infelizmente, o cãozinho escapou e sofreu um terrível acidente.

Instagram @dexterdogouray

A dona de Dexter, contou um pouco sobre o dia do ocorrido: “Dexter escapou do pátio e nós o procuramos assim que aconteceu, mas ele é rápido. Meu marido Tim… o encontrou correndo na estrada. Dexter atravessou a rua bem na frente de um caminhão em movimento. Recebi um telefonema de Tim dizendo ‘Dexter machucou um pouco as pernas da frente.’ Quando entrei em cena, foi muito pior do que eu imaginava ser possível. Vivemos no meio das montanhas e tivemos que dirigir quase uma hora para receber atendimento veterinário de emergência. (…) Dr. Franklin da Clínica Veterinária de San Juan salvou a vida de Dexter. O Dr. Franklin deu crédito à determinação de Dexter em viver”, relata Kentee Pasek ao The Dodo.

Instagram @dexterdogouray

Apesar de Dexter ter sobrevivido a uma experiência tão perigosa, ele perdeu uma das patas dianteiras, feriu gravemente a outra e teve um longo processo de recuperação. Portanto, ele teve que treinar para andar novamente e aprender a se mover do zero, com a adição do fato de ter que usar um colar elizabetano por um ano. Foram dias muito difíceis para este cachorrinho, no entanto, nunca desistiu e não deixou de ser aquele cão simpático que a sua família tanto amava.

Instagram @dexterdogouray

“Houve muitos dias em que sua atitude foi contagiosa para todos nós. Ele estava feliz apenas por viver. Um dia eu o coloquei fora de seu canil ao sol, e ele estava tão feliz por estar fora, mesmo tão machucado como estava. Ele adorava estar conosco”, conta Kentee.

Com o passar do tempo, Dexter experimentou e praticou diferentes maneiras de se locomover. Uma era a maneira tradicional, dando alguns pulinhos para criar impulso.

Mas o cãozinho gosta de ser rápido e brincalhão, então ele percebeu rapidamente que precisava encontrar outra maneira de se locomover. Até que chegou o dia em que surpreendeu Kentee andando ereto sobre as patas traseiras, como se fosse um humano. Ela não podia acreditar no que estava vendo.

Instagram @dexterdogouray

“Se Dexter quiser algo, Dexter vai conseguir ou fazer o que puder para conseguir (…)A história de Dexter é sobre se adaptar, mudar e adotar um novo normal (…) Se pudermos lembrar como Dexter mudou sua vida, acho que podemos também … Isso me mostrou que mesmo em nossos momentos mais sombrios e difíceis, podemos vencer”, manifestou a dona do peludo.

Inicialmente, Dexter tropeçava muito quando andava ereto, mas ele se tornou cada vez mais hábil na arte de se mover como humanos. Assim como o resto dos membros de sua família, ele levou tempo para se aperfeiçoar no andar em pé.

E hoje, nunca deixa de ser surpreendente a rapidez com que ele pode se mover dessa maneira. Ele é tão incrível que era de se esperar que se tornasse uma celebridade local. Hoje, todo mundo o conhece e o adora, e até nas redes sociais ele se tornou uma personalidade da internet.

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Ana, 20 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui matérias que são boas de se ler.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui