Uma ideia simples que ganhou um papel mais do que acolhedor feito por essa enfermeira brasileira! Ela criou a chamada técnica da mãozinha, ou “mão de Deus”, com objetivo de levar conforto físico e psicológico, além de também melhorar a circulação sanguínea de pacientes internados na UTI num hospital do RJ.

Lidiane Melo, de 36 anos, contou que coloca duas luvas cirúrgicas com água quente envolvendo a mão do paciente. Com isso, ela também consegue acalmar as pessoas que estão se sentindo sozinhas nos leitos do hospital.

Lidiane explicou que a ideia surgiu num momento de desespero, durante um plantão que estava fazendo no ano passado. Vários pacientes davam entrada ao mesmo tempo na emergência do hospital onde Lidiane trabalha na Ilha do Governador, e ela não conseguia medir a saturação de oxigênio no sangue de um dos pacientes.

“A mão dele estava muito fria. Enrolei em algodão ortopédico e atadura, que é uma prática prevista na enfermagem, mas não funcionou. A circulação não melhorava. Pensei em molhar a mão dele com água morna, mas por causa do risco de contaminação, a ideia não era boa. Pensei mais um pouco e coloquei a água morna dentro das luvas cirúrgicas e envolvi na mão dele”, falou ao G1.

E felizmente deu certo! Em cerca de três minutos, a chamada perfusão do paciente, que é a entrega do sangue nos tecidos do corpo, melhorou consideravelmente. Ela então conseguiu medir a saturação do oxigênio do paciente, podendo assim encaminhá-lo para tratamento.

“Sou muito apaixonada pelo que faço. É cansativo, desesperador às vezes perder 20 pacientes em um plantão de 12 horas, mas não sei fazer outra coisa. O dia que não for para me sensibilizar ou chorar com a dor do outro, paro de trabalhar na hora”, contou Lidiane.

A técnica só foi divulgada este mês e acabou viralizando depois que Lidiane achou a foto perdida no celular dela e resolveu publicar em suas redes sociais.

“Fiz essa luva com água quente para melhorar a perfusão da minha paciente e ver melhor a saturação, e espero que ela sinta que tem alguém com ela segurando sua mão”, escreveu a enfermeira na legenda da foto.

Lidiane foi reconhecida e recebeu elogios e agradecimentos pela dedicação de várias partes do Brasil e até do mundo pelo seu amor à profissão.

Com informações G1
Foto: reprodução / redes sociais

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui