Um verdadeiro “milagre de ano novo”. É assim que a imprensa argentina está tratando o caso de um menino que foi salvo de um tiro graças a um crucifixo que usava no peito.

A bala perdida foi disparada poucas horas antes do Réveillon. O menino vive na província de Tucumán.

De acordo com o relatório policial, divulgado pela mídia local, o garoto de apenas 9 anos chamado Tiziano, morador da cidade de Las Talitas, deu entrada no Hospital del Niño Jesús com “um ferimento superficial no tórax e que foi produzido por uma arma de fogo”.

A família do garoto afirmou ao jornalista José Romero Silva, da Telefé, que o crucifixo que Tiziano usava pendurado no pescoço impediu que a bala atingisse diretamente o menino.

Os pais também enviaram ao repórter as fotos do crucifixo que ficou danificado por conta do impacto da bala.

José Romero Silva compartilhou as fotos em seu Twitter com a legenda:

“Milagre do Ano Novo: ontem à noite, minutos antes das 00h00, uma bala perdida atingiu uma criança no peito em Las Talitas. Mas o impacto foi sobre um crucifixo que o menor estava usando”.

“O Cristo ficou intacto e a criança teve um ferimento pela fricção”, reportou o jornalista.

A publicação do jornalista no Twitter:

Com informações da Aciprensa e Telefe
Fotos: José Romero Silva/Twitter

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui