Uma fofa coruja chegou por acaso à cidade de Nova York escondida na árvore de Natal do Rockefeller Center, uma das maiores do mundo, e precisou ser resgatada.

Felizmente, deu tudo no certo no resgate e ele não teve nenhum ferimento e já se recupera no centro de reabilitação da vida selvagem, Ravensbeard Wildlife Centre.

A coruja caiu na árvore, no momento em que ela foi levantada na cidade de Oneonta, 300 km ao norte de Nova York, de onde seria transportada.

“Nós já existimos há 20 anos e nunca vi nada assim”, revelou Helen Kalish, diretora e fundadora do centro de vida selvagem ao WNBC, uma afiliada da NBC.

“Eles são muito resistentes. O fato de ele não ter sido esmagado foi um milagre. O fato de ele ter feito a viagem com vida… acordando na cidade de Nova York com centenas de pessoas por perto? Eles são muito calados e tímidos, criaturas extremamente noturnas e raramente vistas.”, continuou.

“A esposa da pessoa que encontrou a coruja foi quem ligou pra gente. Ele viu a corujinha olhando e não pôde deixar de segurá-la. A coruja macho não voou e ele também não tinha certeza se estava ferida”, disse.

Helen supôs que a coruja possa ter ficado presa quando a árvore foi preparada para tansporte.

“Foi uma jornada de três dias para a cidade de Nova York e não foi encontrado, até que eles cortaram os ramos das árvores… É totalmente compreensível que não tenha sido visto quando eles estavam transportando a árvore”, concluiu Helen.

A coruja obviamente está sendo chamado de Rockefeller.

Assista abaixo como foi a instalação da grande árvore – que será inaugurada no próximo dia 2 de dezembro.

Com informações Today
Foto: Ravensbeard Wildlife Center

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here