O gesto de pura gentileza e gratidão desta florista merece ganhar o mundo ao ser compartilhada.

Murielle Marenac, tem uma floricultura na França e precisou fechar as porta em respeito às medidas restritivas da pandemia. Mas demonstrar seu apoio e não insatisfação por ter de parar o seu negócio, ele deixou vários arranjos e buquês sobre os carros de profissionais de saúde que trabalham num hospital de Perpignan.

Murielle achou que seria a coisa certa a se fazer, até para não desperdiçar todos os seus produtos que estavam encomendados e que precisaram ser cancelados.

“Eu tinha uma decisão a tomar e não queria desperdiçar as flores. Em vez de chorar, disse a mim mesmo que temos que fazer as pessoas sorrirem, especialmente em momentos como este”, declarou ao Huffpost.

Os profissionais de saúde quando se depararam com o gesto, ficaram obviamente muito emocionados e agradecidos pela ação de Murielle.

Murielle Marenac – Foto: reprodução / Huffpost

“Eles apreciaram meu apoio e minha abordagem porque neste momento é complicado. Eles precisam disso, temos que nos apoiar em momentos como este e não ficar com raiva.”

Murielle ficou tão feliz pela recepção que decidiu fazer mais arranjos para serem distribuídos nos carros de outros profissionais de saúde em hospitais diferentes.

Com informações HuffPost e Nation
Foto: reprodução / Huffpost

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. Murielle é mais um precioso espécime Homo Sapiens, que a pandemia trouxe à tona, confirmando que “é necessária uma certa escuridão para que brilhem as estrelas”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui