É oficial! O Prêmio Nobel da Paz 2020 saiu e foi pra maior organização humanitária do mundo, que faz parte da ONU e que combate à fome em todo o mundo.

PMA, também conhecido como Programa Mundial de Alimentos levou o prêmio “por seus esforços para combater a fome e melhorar as condições para a paz em áreas afetadas por conflitos, ao buscar prevenir o uso da fome como arma”.

Em 2019, o PMA da ONU prestou assistência a cerca de 100 milhões de pessoas em quase 99 países vítimas de insegurança alimentar aguda e fome, sendo a maioria desses países lugares que atravessaram alguma guerra e conflitos internos.

Além disso, durante a pandemia o programa não perdeu sua força, e sim aumentou ainda mais a sua capacidade de ajudar quem precisava.

Como a própria PMA declarou: “Até o dia em que tivermos uma vacina médica, a comida é a melhor vacina contra o caos”.

O Comitê do Nobel também enfatizou que a assistência para aumentar a segurança alimentar não apenas previne a fome, mas também faz uma enorme diferença para levar melhores chances de estabilidade e segurança aos lugares ajudados.

O PMA assumiu a liderança na combinação de trabalho humanitário com esforços de paz por meio de projetos pioneiros, desenvolvidos na América do Sul, África e Ásia.

“O trabalho do Programa Mundial de Alimentos em benefício da humanidade é um esforço que todas as nações do mundo deveriam ser capazes de endossar e apoiar.”, declarou o comitê do prêmio.

Com informações GNN
Foto: PMA/Nações Unidas

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here