Renata Honório tinha levado uma marmita para almoçar no trabalho, como a maioria da população do país – até para economizar, mas quando viu um cachorro faminto, ela simplesmente soube o que precisava fazer, mesmo sem ter ideia que o seu gesto seria iria viralizar.

Renata é vendedora em Cubatão, São Paulo, e sem pensar duas vezes deu a própria refeição para cão de rua faminto. Um amigo de trabalho que assistia a cena, fez um registro do momento e colocou nas redes sociais. Não tardou muito para a fotografia se tornasse viral.

Renata contou que essa situação ocorreu na semana passada, e ao notar o olhar triste do cachorrinho que entrou na loja onde ela trabalha, pra ela foi natural fazer isso:

“O cachorrinho entrou na loja e até achei que estava com algum cliente, porque olhava por todo o local. Mas, quando olhei para ele, enxerguei um olhar triste, que doeu meu coração. Como eu não tinha ração naquele momento para alimentá-lo, fui lá em cima e peguei o único alimento que tinha levado para o café da manhã, uma broa”, revelou ao portal G1

“O cachorrinho estava com um pouco de sarna, e percebi que só queria carinho. Depois que ele se alimentou, foi embora e ainda foi visto e ajudado por uma amiga minha”, acrescentou.

Sobre a repercussão nas redes sociais, Renata foi humilde e disse que o mais importante foi o gesto em si – e que se servisse de exemplo para conscientizar outras pessoas, melhor ainda.

“O único sentimento que tenho no meu coração é que, se nós conseguirmos conscientizar as pessoas do auxílio que esses animais precisam, já vai ter valido a pena. O meu desejo é que não exista mais abandono de animais e que eles não passem fome, porque tudo que eles nos oferecem, independentemente das circunstâncias, é amor”, concluiu.

Com informações G1
Foto: reprodução / redes sociais

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. Que bom que você existe, Renata, mas que pena que o cãozinho foi embora sem esperar por um retorno das redes sociais para ser adotado e nunca mais sentir fome. Pessoas como você estão sendo monitoradas por Deus, a serviço Dele e, ainda que você nem desconfie quanto vale, Ele sabe quanto. Você é 10.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here