Uma charmosa, diferente e inovadora vila para pacientes que sofrem Alzheimer foi criada no sudoeste da França, próximo a cidade de Dax. Ela já tem 105 residentes, e não pacientes. É uma vila cheia de cuidados, estímulos e lazer para os moradores.

Os moradores da vila que lá vivem sofrem da doença em vários estágios do Alzheimer e se mudaram para a Village Landais Alzheimer, a primeira instalação criada no país.

Ela foi construída com o mesmo espírito de De Hogeweyk, na Holanda, também criada para quem têm qualquer tipo de demência.

Além das instalações óbvias de enfermagem, o Village Landais possui um mercadinho, cabeleireiro, refeitório, biblioteca e até sala de música.

Lá, todos os moradores possuem toda a liberdade que suas condições permitem, além da distração com vários entretenimentos.

Os moradores também são incentivados a participar de atividades diárias como fazer compras, cozinhar e marcar visitas regulares ao cabeleireiro.

Essa rotina familiar que parece pequena, ajuda a prolongar o surgimento dos piores sintomas da doença, segundo especialistas.

“É como estar em casa”, falou à Reuters Madeleine Elissalde, de 82 anos, uma das primeiras residentes da vila. “Somos bem tratados.” acrescentou.

Mais do que isso, o governo francês cobre a maior parte da despesa total da vila.

Neste vídeo você confere como a vila:

Com informações GNN
Foto: Village Landais Alzheimer

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here