Infelizmente, faleceu nesta quarta, 30 de setembro, o lendário e adorado cartunista argentino Quino, criador da personagem Mafalda. Quino nos deixa aos 88 anos e a informação revelada pelo jornal argentino Clarín, além de confirmada por Daniel Divinsky, editor de Quino.

Quino nasceu no dia 17 de julho de 1932, e seu nome completo na verdade é Joaquín Salvador Lavado Tejón. Quino decidiu ainda criança que viveria através da sua arte. Já adulto, ele cursou a Faculdade de Belas Artes que acabaria deixando alguns anos depois, em 1949, por ficar entediado com as extensas aulas teóricas. A primeira veiculação de uma arte sua aconteceu só em novembro de 1954 na revista Esto Es, vindo a desenhar regularmente para jornais argentinos apenas três anos depois, ou seja, em 1957.

O ponto de virada de sua carreira aconteceria e o que faria ser conhecido internacionalmente foi acontecer em 1963 com a publicação de Mundo Quino, seu primeiro livro de humor. Mas no ano seguinte, Quino ganharia o mundo ao criar Mafalda, personagem que foi protagonista de mais de 1900 tiras entre os de 64 e 73. No auge da carreira, Quino foi convidado pela UNICEF para ter uma arte ilustrada na Edição Internacional da organização, através de uma campanha mundial sobre a Declaração dos Direitos da Criança, e é claro, Quino usou da Mafalda e outros personagens da sua história.

Após a aposentar Mafalda, Quino ainda continuou publicando quadrinhos e tirinhas de humor em livros e jornais, tais como o próprio Clarín.

Segundo informações Clarín

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here