A Rússia finalmente anunciou que a sua vacina contra a covid-19 está pronta. O país fez o anúncio na última segunda, 13, que o imunizante desenvolvido pelos seus cientistas teve sucesso nos testes humanos.

Sem o objetivo de concorrer, como muitas pessoas têm circulado nas redes sociais, a Rússia quer o mesmo que os outros países: acabar com a pandemia.

“A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, declarou Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisa clínica da Universidade Sechenov em entrevista para imprensa russa.

Com isso, a previsão é de que a vacina seja distribuída para a população russa entre os dias 12 e 14 de agosto, ou seja, já no mês que vem.

No que diz respeito a produção em massa da vacina, o país declarou que até setembro ela começará, com a ajuda de empresas privadas.

A Rússia está em quarto lugar como o país com mais infectados pelo novo coronavírus do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, Brasil e Índia.

Até o momento são 732.547 casos e 11.422 óbitos no país, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

Atualmente, existem pelo menos 21 vacinas em estágio avançado de testes em humanos, segundo a OMS.

Duas delas se encontram no Brasil: a de Oxford e a do Butantan. Todas as duas na fase de testes em humanos também.

Com informações Forbes e TheMoscowTimes
Imagem de capa: CDC via Unplash

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here