Papagaios-do-mar puderam voltar a se reproduzir na costa de Northumberland, na Inglaterra, de acordo com as especialistas. Agora que o lugar está vazio de turistas por conta da pandemia, as aves conseguem fazer os seus ninhos tranquilamente sem o medo constante de serem ameaçadas.

A organização National Trust comunicou que as aves voltaram novamente às Ilhas Farne, que estão fechadas ao público desde o início da pandemia.

Matthew Scarborough

No ano passado, mais de 43.000 pares de pássaros foram registrados na primeira pesquisa anual da colônia. A ausência de predadores no local permitiu que os números ficassem estáveis ​​nos últimos anos.

“Os papagaios-do-mar constroem seus ninhos em tocas e, na ausência de visitantes, podemos vê-los expandindo seus locais de nidificação habituais para novas partes das ilhas. Áreas como áreas de piquenique em Inner Farne, que geralmente são populares entre os visitantes, poderiam receber novos convidados este ano ”, disse a guarda florestal Harriet Reid em comunicado à imprensa.

Matthew Scarborough

Ainda não há números oficiais do crescimento das aves, já que nem mesmo os guardas florestais e pesquisadores estão podendo permanecer na ilha enquanto as diretrizes da pandemia estiverem vigentes, porém um estudo detalhado será divulgado assim que possível.

Contudo, é muito importante saber que a natureza está conseguindo se reestruturar com esses respiro dado por nós humanos.

Fotos: Matthew Scarborough
Com informações National Trust

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here