Verdadeiro exemplo, não é de hoje que o atual o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, acaba virando notícia no mundo, não só pela sua simpatia, como também pela sua constante transparência e empatia para com o povo português, principalmente em tempos de pandemia. Popularmente conhecido como “gente como a gente”, o presidente português já foi flagrado esperando pela sua vez na fila do supermercado e utilizando transporte público.

Mas agora é o momento de também agir em outras frentes e foi exatamente isto que ele fez. Na última semana, o presidente apareceu ao vivo em rede nacional para dar uma verdadeira aula de cidadania aos cidadãos portugueses, principalmente aos mais jovens.

Marcelo Rebelo de Sousa apareceu no programa “Estudo em Casa”, da emissora local RTP, e totalmente dirigida aos alunos do 1.º ao 9.º ano, mas é claro, que muitos pais acabaram acompanhando o programa também e talvez aprendendo uma coisa ou outra que não sabiam sobre o assunto.

“Boa tarde, chamo-me Marcelo Rebelo de Sousa, sou professor e hoje vou matar saudades das milhares de aulas que dei ao longo da minha vida”, começou o simpático presidente português.

Portugal é um dos melhores exemplos do mundo na gestão da pandemia desde os o início, além da forma como está lidando com a educação à distância no país. Em vez de aulas apenas virtuais, a televisão também sendo usada como um veículo de comunicação e educação para os jovens com vários programas destinados.

Mas mesmo sabendo da dificuldade que é para qualquer um, principalmente para os jovens de manter essa rotina de ensino à distância, o presidente elogiou os jovens do país que estão comprometidos com os estudos apesar da atual situação – uma maneira de incentivá-los e mostrar-lhes apoio.

Ao longo do programa que durou cerca de 30 minutos, o Presidente também apresentou uma lista de dez lições sobre a pandemia para os jovens. Marcelo também fez imensos agradecimentos aos profissionais da saúde, falou sobre união, igualdade, proteger as pessoas de mais idade, solidariedade para com o próximo e também sobre valorizar as pequenas coisas e importantes coisas da vida.

“Eu descobri o valor das pequenas coisas. Quando nós não podemos sair de casa, não podemos viajar, ir à praia, praticar desporto, estar com os amigos, cada pequena gesto ganha uma importância fundamental”, disse o Presidente. Que orgulho os portugueses devem ter dele!

“Essa experiência mudou o mundo para sempre em nossas vidas”, ainda disse no programa.

Confira abaixo o vídeo completo:

Fonte: BOL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

2 COMENTÁRIOS

  1. MEU AMIGO, QUE LIÇÃO ESSA PESSOA OU AQUELE PAIS PODE NOS DAR…? PORTUGAL TEM UMA POPULAÇÃO DE 10 MILHÕES, PARANA TEM 11 MILHÕES COM 1/3 DAS MORTES EM RELAÇÃO A PORTUGAL, RIO GRANDE DO SUL COM 11 MILHÕES COM 1/3 DAS MORTES EM RELAÇÃO A PORTUGAL, NÓS AQUI NA BAHIA, COM UMA POPULAÇÃO DE 15,4 MILHÕES DE PESSOAS, TEMOS O MESMO NUMERO DE MORTES QUE PORTUGAL. PORTUGAL E A EUROPA NÃO TEM NADA PARA ENSINAR AO NOSSO POVO BRASILEIRO. EU SEI QUE TODAS AS DESGRAÇAS QUE ATINGIRAM A HUMANIDADE, SAÍRAM OU PASSARAM POR LÁ (EUROPA). PLANTAM O QUÊ? PRODUZEM O QUÊ? MODELO DE QUÊ? DEUS NOS LIVRE DOS MODELOS DA EUROPA, FAÇO UM PARENTESE PARA INGLATERRA, PELO PAPEL HISTÓRICO E DETERMINANTE DA MARINHA INGLESA.

  2. Bem interessante a colocação do Mario Augusto partindo pelo ponto de vista que Parana, Rio grande do Sul e a Bahia com população maior que Portugal tem menos casos de contaminação e mortes que aquele país. Agora Vejamos a cidade de São Paulo com população de pouco mais de 12 milhões de habitantes com praticamente 250 mil contaminados e com praticamente 14 mil óbitos por essa pandemia. Portugal tem como base econômica a produção de azeite, vinhos, pescados, tem algumas unidades fabris de tecelagem, de móveis, cervejarias, cortiças, a Alstom por exemplo (na Amadora) entre outras que não estou lembrado em relação ao ano que lá vivi, pois certamente algumas a mais devem ter surgido. Então na minha opinião, fica complicado alguma comparação de cidades ou estados do Brasil em relação a não só Portugal, mas como qualquer país Europeu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here