A pandemia está causando grandes estragos e perdas na vida das pessoas, mas ao mesmo tempo ela também está servindo para a recuperação de diversas espécies da natureza. É claro que o ideal seria que não precisasse acontecer uma pandemia pra natureza ganhar um respiro, mas também não podemos desmerecer essa vitória para várias espécies, algumas inclusive que estavam em risco de extinção.

E caso dessa espécie de cavalo marinho que, aproveitando a falta de barcos e pessoas nas praias consegui retornar para o seu habitat nas costas da Inglaterra.

A espécie ameaçada voltou a reaparecer nas águas de uma praia popular britânica graças à “falta de barcos, âncoras, barulho e pessoas”, escreveu o site Seahorse Trust.

Em um comunicado, a organização também revelou que novas condições permitiram que o Spiny Seahorse, em perigo de extinção, colonizasse novamente em Studland Bay, em Dorset.

Essas belas criaturas foram descobertas recentemente durante mergulhos periódicos de reconhecimento e foram encontrados 16 cavalos marinhos (incluindo machos grávidos e até um filhote que nasceu este ano), marcando o maior número encontrado em um único mergulho no local desde que o Seahorse Trust começou a monitorar a área em 2008, segundo publicado pelo site LadBible.

“Apesar de não ter visto cavalos marinhos por mais de 2 anos; Há duas semanas, os cavalos marinhos foram descobertos e em mergulhos subsequentes, apesar de apenas 1 metro de visibilidade, encontramos mais”, escreveu a organização.

Neil Garrick-Maidment FBNA, fundador e CEO do Seahorse Trust, acrescentou ainda que “a ecologia do lugar fez uma recuperação notável.”

Que boa notícia pra nossa mãe natureza!

Com informações LADBIBLE

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here