Uma vovó de 103 anos, polonesa, venceu a batalha contra a pandemia que estamos vivendo e, sendo gente como a gente, ainda comemorou bebendo cerveja gelada light, com menor teor alcoólico. Quem negaria um pedido desses?

Jennie Stejna mora em Easton, Massachusetts, nos Estados Unidos e deu o primeiro gole na bebida ainda deitada na cama do seu quarto na casa de repouso Life Care Center, de acordo com o site TMZ.

Jennie foi diagnosticada com o vírus que está assolando o mundo e por ser do grupo de risco, a sua família já se preparava pelo pior – ainda mais pela idade muito avançada. Felizmente, Jennie venceu a luta e deixou todos surpresos com a sua recuperação.

Pra comemorar, Jennie, que já é bisavó, comemorou fazendo o que mais gosta: tomando uma.

Ela também revelou um desejo parra ser realizado quando a pandemia acabar: quer ir ao estádio de beisebol conferir uma partida do seu time de coração, o Red Sox.

O neto de Stejna, Adam Gunn , disse à TMZ Sports que a sua avó é uma típica polonesa brava, mas pelo jeito, é só dar uma cerveja pra ela que fica tranquila.

Para não correr o risco de ser infectada novamente, Jennie agora está em uma parte diferente da casa de repouso e com maiores cuidados. A família fica feliz e nós também.

Com informações do TMZ e Metrópoles
Imagem: Jennie Stejna Fotos: reprodução / TMZ

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here