Realizada ontem na Basílica de São Pedro, o Papa Francisco foi um pedido especial para esta Páscoa. Ao falar sobre o momento difícil que a humanidade atravessa, Francisco pediu “coragem” e “esperança” das pessoas.

“Nesta noite, conquistamos um direito fundamental, que não nos será tirado: o direito à esperança. É uma esperança nova, viva. Não é mero otimismo, não é uma palmada nas costas nem um encorajamento de circunstância. É um dom do Céu, que não podíamos obter por nós mesmos”, disse.

E deixou uma mensagem muito bonita para inspirar pessoas de todo o mundo:

“Tudo vai ficar bem: repetimos nestas semanas, agarrando-nos à beleza da nossa humanidade e fazendo subir do coração palavras de encorajamento. Mas, à medida que os dias passam e os medos crescem, até a esperança mais audaz pode desvanecer. A esperança de Jesus é diferente. Coloca no coração a certeza de que Deus sabe transformar tudo em bem, pois até do túmulo faz sair a vida”, disse o papa durante a oração.

“Minha irmã, meu irmão, ainda que no coração tenhas sepultado a esperança, não desistas! Deus é maior. A escuridão e a morte não têm a última palavra. Coragem! Com Deus, nada está perdido”, encerrou.

O papa Francisco fez a cerimônia completamente sozinho, sem a presença de fiéis e sem a celebração dos tradicionais batismos.

Com informações da JP

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here