Já são centenas de milhares de casos de pessoas doentes na atual crise de saúde e os Estados Unidos são um dos países mais afetados.

E é por isso que alguns trabalhadores de Delaware, na Pensilvânia, viram que precisavam ajudar neste momento tão delicado. Eles são funcionários da fábrica da Braskem America, e durante 24 horas de 28 dias consecutivos, eles trabalhando incansavelmente na produção de matérias-primas que são essenciais na confecção de materiais usados em hospitais por profissionais de saúde, como máscaras, aventas e etc.

Esse enorme e nobre esforço só foi possível porque 40 funcionários da fábrica, se voluntariaram para ficarem confinados na fábrica por quatro semanas, ficando longe até das próprias famílias, tudo para ajudar na crise de abastecimento de vários hospitais.

6abc Philadelphia/Youtube

Os funcionários se dividiram em duas equipes, fazendo revezamentos de 12 horas, para assim existir uma troca de turno e dar tempo para a outra metade descansar, comer e dormir em locais improvisados na própria fábrica. Apesar da imensa saudade de suas famílias, o objetivo deles em ajudar era maior.

Quando finalmente terminarem o “expediente” e puderam voltar para suas casas: “Houve um brilho nos olhos de todos”, disse Joe Boyce, supervisor responsável pela troca de turnos. O que dizer desses heróis?

“Estamos realmente honrados em poder retribuir e apoiar pessoas que nunca encontraremos de forma alguma (…) A todos os socorristas, a todas as pessoas da linha de frente, agradecemos (…) É isso que torna nosso trabalho tão bom. fácil de fazer” continuou Joyce.

6abc Philadelphia/Youtube

De acordo Joyce, os trabalhadores trabalharam de maneira saudável durante quase um mês de confinamento. Apesar do isolamento social de suas famílias e outras pessoas, os funcionários tiveram interações normais durante os 28 dias.

Com informações UPSOCL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here