Após ser internada em estado grave no início de março, no mesmo hospital em que trabalha, essa profissional de saúde foi ovacionada ao se recuperar e sair da UTI por conta do coronavírus. O vídeo é emocionante.

O nome dela é Loli Ruipérez, diretora há 15 anos no Hospital de Txagorritxu, em Vitoria-Gasteiz, na Espanha, e uma das primeiras infectadas no trabalho. Loli ficou internada na UTI por mais de duas semanas.

Felizmente, agora a diretora não precisa mais da ajuda de aparelhos para respirar e agora entra dentro da estática dos mais de 5 mil recuperados de COVID-19 na Espanha. O país já sofreu com quase o mesmo número de perdas e tem mais de 70 casos registrados da doença em todo o seu território.

Para os profissionais de saúde da Espanha, a liberação da diretora da UTI é uma vitória, já que há muitos colegas que acabam sendo infectados pela doença ao ajudar outras pessoas, e, infelizmente, não há testes possíveis para todos.

Ao sair da UTI, os seus colegas de trabalho preparam uma emocionante recepção.

“No momento, estou muito fraca, depois de 15 dias na UTI. Estou muito cansada e com pouca força. Estou muito feliz por ter saído da UTI, mas também muito assustada. Isso me assusta. As coisas foram tão rápidas que, quando acordei, percebi que tinha sobrevivido”, disse.

A diretora ainda se emociona ao lembrar o que ela experimentou e os sinais de carinho que recebeu na UTI de todos.

“Fiquei surpresa com as demonstrações de carinho. Fiquei impressionada”.

Ela sabe que seu testemunho é importante para todos os profissionais de saúde que estão passando por um momento difícil e transmitiu esta mensagem:

“Você pode sair e sairá. Tenha ânimo e força para todos”.

Abaixo, você confere o emocionante momento:

Com informações do El Correo e Cadenaser

COMPARTILHAR

LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here