A grife Armani interrompeu a sua produção habitual de roupas para fazer macacões para os médicos italianos. Além disso, ainda o grupo fez uma doação de mais de R$ 11 milhões para ajudar no combate ao coronavírus.

O anúncio foi feito pela empresa na última semana e explica todas as fábricas da marca na Itália vão começar a produzir macacões médicos descartáveis.

A ajuda é voltada para os agentes de saúde durante a crise do coronavírus que estão na linha de frente no combate ao vírus na população.

A escassez de diversos equipamentos de proteção e outros dispositivos médicos é um dos maiores problemas no sistema de saúde da Itália atualmente. Como se não bastasse enfrentar a própria pandemia.

Além da vestimenta hospitalar, a grife italiana também informou doará mais dinheiro dinheiro para o combate à doença.

Ao todo, serão 2 milhões de euros – mais de 11 milhões de reais doados. O dinheiro será destinado principalmente aos hospitais do país para enfrentar essa grande emergência de saúde.

Com informações da Exame

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO



Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui