Felizmente, ainda existe solidariedade e empatia no mundo, mesmo com a situação caótica que vivemos. Um exemplo disso é este dono de imóveis que, percebendo os danos causados pelo Covid-19, decidiu que os seus inquilinos não iriam precisam pagar o aluguel caso estivessem sem emprego ou com ele ameaçado.

Em uma publicação pública no seu próprio Facebook, Nathan Nichols, dono de imóveis alugados em South Portland, no Maine (EUA), escreveu que seus dois inquilinos são trabalhadores horistas (pessoas que recebem o salário mensalmente, porém determinado pelo valor-hora), que podem ficar sem trabalho nos próximos meses.

COVID19 is going to cause serious financial hardship for service and hourly workers around the country. I own a two…

Posted by Nathan Nichols on Friday, March 13, 2020

“Como eu tenho ciência de que possuo o privilégio de recusar esses pagamentos por pertencer à classe ‘proprietária’, apenas disse a eles que não receberia o aluguel de abril“, escreveu Nichols.

“Peço a qualquer outro proprietário por aí que dê uma olhada séria em sua própria situação e considere dar a seus inquilinos algum desconto no aluguel também”, complementou.

O post do Nichols até o momento já teve mais 24 mil compartilhamentos – e continua a crescer, com milhares de comentários apoiando e elogiando a decisão do proprietário.

Dias depois, Nichols atualizou a própria publicação, revelando que havia inspirado pelo menos um dono de imóveis a fazer o mesmo.

Ele escreveu: “De vez em quando, no entanto, há um comentário de um proprietário que gostaria de ajudar seus inquilinos, mas simplesmente não pode [devido a uma situação financeira ruim], ou de um inquilino que deseja que seu proprietário os ajude, mas duvida que eles o ajudarão. A todas essas pessoas, digo: não conheço sua situação e não quero sugerir que um proprietário que não renuncia o aluguel seja de alguma forma uma pessoa má”, ponderou.

Fonte: Sunny Skyz

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here