Me lembro de ter ouvido “A gente nasce pra ser feliz” repetido como um mantra por numerosas bocas em diferentes épocas. Bastava que a percepção de algum infortúnio me assaltasse para que essa frase me aparecesse de algum lugar.

E eu preciso admitir que durante um bom tempo eu acreditei, talvez assim como você, que a vida era pra ser só alegria mesmo.

Mas, depois de algum perrengue eu me sentia muito mal, como se alguém tivesse me enganado acerca da felicidade perpétua da vida. Eu estava triste. Coisas não muito boas tinham me tirado do eixo. Eu não me sentia muito motivada. Então, eu entendi.

A vida não é só alegria e festa, tampouco só tristeza e provação. A gente não nasce pra ser feliz, tampouco para ser triste, a gente nasce para aprender.

E dentro desse aprendizado cabe tanta coisa. Cabe revolta e gratidão. Cabe silêncio e gritaria. Cabe calma e tormenta. Cabe risos bonitos e lágrimas dolorosas.

Abraça tua alegria, mas não esquece de acolher tua tristeza. Mora no teu silêncio e deixa a tua natureza gritar. Está tudo bem. Do jeito que tem que ser.

Acompanhe a autora Vanelli Doratioto

Photo by Danielle Pilon from Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Vanelli Doratioto
Vanelli Doratioto é uma escritora paulista, amante de museus, livros e pinturas que se deixa encantar facilmente pelo que há de mais genuíno nas pessoas. Ela acredita que as palavras são mágicas, que através delas pode trazer pessoas, conceitos e lugares para bem pertinho do coração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here