Imagina mais uma ferramenta que ajudasse no tratamento da depressão. Imaginou? Pois é, agora ela existe. Um fone de ouvido capaz de estimular o cérebro com eletricidade para tratar doença, foi aprovado clinicamente no Reino Unido, e com isso já está à venda em toda a Europa.

O dispositivo funciona através pequenos estímulos elétricos que alteram a atividade em uma parte do cérebro responsável pela emoção, personalidade e tomada de decisão.

O tal fone age numa área logo atrás da testa, chamada de córtex pré-frontal. As pessoas com depressão costumam ter menor atividade no lado esquerdo desta área e maior atividade no lado direito.

Pesquisadores da Flow Neuroscience disseram que o fone ajuda a reequilibrar essa atividade cerebral. Logo, os seus usuários devem usar o aparelho durante 30 minutos, todos os dias e por 6 semanas.

As técnicas de estimulação cerebral mostraram-se promissoras no tratamento da depressão em ambientes clínicos em vários estudos. Ou seja, esse fone não foi aprovado por acaso.

Pesquisadores da Flow Neuroscience incorporaram a técnica médica em seus fones de ouvido e afirmam que ela corrige sim, certos desequilíbrios no cérebro.

O fone envia correntes baixas para áreas específicas do cérebro de pacientes deprimidos.

Esses choques imperceptíveis encorajam as conexões neurais do cérebro a se tornarem menos rígidas.

Isso ajuda a formar novas e diferentes conexões neurais vistas em cérebros saudáveis.

O fone também conta com um aplicativo de terapia virtual que incentiva os usuários a comer e dormir melhor, se exercitar e até meditar.

Daniel Mansson, psicólogo clínico e executivo-chefe da Flow, disse que o fone é destinado a pessoas com depressão clínica que foram diagnosticadas.

Ele diz que o British Standards Institute, o órgão regulador que o aprovou para uso, levou isso em consideração. Ou seja, nada de comprar o fone sem realmente você ter a depressão indicada por um médico.

O dispositivo e já está à venda em várias lojas e clínicas do Reino Unido e também pode ser comprado on-line.

O gadget portátil custa 399 libras esterlinas, pouco mais de 2 mil reais e é o primeiro do tipo aprovado clinicamente no Reino Unido, segundo a fabricante, Flow Neurosciense.

A empresa pretende vender o aparelho mais países em breve.

Veja no vídeo abaixo como funciona:

Com informações do Daily Mail

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here