Infelizmente, milhares de garrafas PET são despejadas – indevidamente, sem serem recicladas – em rios e lagos, principalmente em áreas onde o saneamento básico é precário. Em Camarões, país onde vive Essome Ismael, essa realidade é ainda mais evidente, como você vai entender abaixo.

Mas Ismael lutou e ainda luta diariamente para mudar essa realidade, pelo menos na cidade onde vive, Kribi. O jovem empreendedor é fundador da Madiba & Nature, uma iniciativa que recolhe e aproveita garrafas pet na produção de botes flutuantes, conforme informações do portal CicloVivo.

Para fazer uma embarcação, são necessários mil garrafas PET o tempo para produzir uma única canoa é de aproximadamente uma semana. É muita coisa, não é mesmo? Por isso mesmo, Ismael e outros jovens da iniciativa também começaram a recolher garrafas de cidades vizinhas, visando aumentar o raio de atuação e também a quantidade de produção de canoas.

Mas não são só canoas que o projeto produz. Agora, além das embarcações, eles também produzem outros objetos, tais como móveis, artigos de decoração e até mesmo casas ecológicas. “Nós também auxiliamos a promover para pessoas, comunidades, associações, companhias ou estados os princípios da economia circular para garantir a sustentabilidade de sistemas e construir um mundo mais verde”, diz o projeto na sua página oficial no Facebook.

Para complementar, o projeto também realiza um trabalho de conscientização das pessoas sobre o descarte correto das garrafas, com oficinas e treinamento para voluntários. Workshops abertos para o compartilhamento de experiências também fazem parte da iniciativa.. “Queremos contribuir na criação da maior geração de ‘faça você mesmo’, recicladores e reutilizadores a fim de promover a conservação da natureza e a diversificação de oportunidades de negócios no setor verde.”

Fotos: Reprodução/Madiba & Nature

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here