Comer nozes faz mais bem para saúde do que imaginávamos. Além delas ajudarem a reduzir o risco de um ataque cardíaco, prevenirem a diabetes e o câncer e melhorarem o desempenho íntimo dos homens, as nozes também podem te ajudar a evitar o ganho de peso. Pelo menos essa foi a mais recém-descoberta dos cientistas.

A pesquisa foi desenvolvida e financiada pelo National Institutes of Health e publicada na revista BMJ Nutrition, Prevention & Health. Nela, a pesquisa indica que trocar um lanche da tarde por um punhado de nozes (14 gramas) pode impedir que a pessoa ganhe até um quilo por ano.

Os pesquisadores acompanharam quase 300 mil pessoas entre homens e mulheres com idades que variam de 24 a 75 anos ao longo de 20 anos. No estudo, os pesquisadores descobriram que trocar alimentos pouco saudáveis pela ingestão de nozes reduz o risco de obesidade em até 15% e do excesso de peso em 23%.

“Nossos resultados indicam que o aumento do consumo total de nozes ou qualquer tipo de noz, incluindo amendoim e castanhas, está associado a um ganho de peso menor a longo prazo”, disseram os cientistas em uma nota oficial.

“Incorporar nozes como parte de um padrão alimentar saudável, substituindo alimentos menos saudáveis, pode ajudar a mitigar o ganho gradual de peso comum durante a vida adulta e contribuir de forma benéfica para a prevenção da obesidade”, explicaram na nota.

Segundo o corpo de pesquisadores da Escola de Saúde Pública de Harvard, nos Estados Unidos, as nozes saciam – a pessoa fica mais tempo sem fome – e, consequentemente, tem uma perda de gordura.

E teve mais um dado interessante no estudo; os cientistas também comentaram que o gesto de mastigar nozes exige muito esforço e, por causa disso, as pessoas se sentem menos propensas a continuar comendo.

Além disso, pelo fato de ser um alimento rico em fibras, ele demora mais a ser digerido, o que atrasa o esvaziamento do estômago. Isso acaba suprimindo a fome e faz a pessoa se sentir saciada durante um tempo maior.

Outro dado interessante: as nozes são ricas em gorduras insaturadas, gorduras essas que ajudam a promover o gasto energético em repouso, impedindo o ganho de peso.

Para a equipe de cientistas, essa descoberta pode ajudar na manutenção de peso em adultos que possuem uma tendência maior a ganharem peso depois de um certo tempo.

Com informações da Veja

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here