Para o povo finlandês, “sisu” tem um significado místico, quase mágico. Mais do que uma palavra é uma injeção de energia e coragem impregnada em seu próprio legado cultural. “Sisu” é força de vontade, é determinação, perseverança e é acima de tudo resiliência. É quase como a espinha dorsal de um povo que tem nesta palavra o melhor remédio para a adversidade.

Algo que é sempre vivificante e enriquecedor é mergulhar em culturas diferentes das nossas para aprender, para refletir sobre vários termos que, em última análise, compartilham raízes comuns que são familiares a todos nós. Sisu, (pronuncia-se “see-soo”) molda essa atitude resiliente que nos soa muito, que nos inspira muito e que tentamos aplicar em nossas vidas diárias.

A origem desta palavra é algo muito especial para os finlandeses. Tanto que, hoje, podemos encontrar neste país carros da marca Sisu, veículos blindados, o quebra-gelo MS Sisu, e até uma marca de bala com sabor intenso para clarear a tosse. Também deve ser notado que na Antártida há uma colina com o mesmo nome depois que Veikka Gustafsson, um montanhista finlandês, a coroou nos anos 90.

Sisu é uma mochila para transportar em nossos próprios corações para tirar proveito dessas entranhas que muitas vezes precisamos enfrentar as dificuldades do dia-a-dia. Portanto, não é uma estratégia pontual, não é um remendo ou um medicamento genérico por um momento desesperado. Os finlandeses assumem essa atitude como filosofia de vida, como um tendão psíquico a se exercitar diariamente.

Sisu, uma palavra intraduzível com um passado muito concreto

Em 30 de novembro de 1939, a União Soviética declarou guerra à Finlândia, apenas três meses após o início da Segunda Guerra Mundial. Este conflito é um dos mais admirados e estudados nos livros de história: durou apenas 105 dias e significou um verdadeiro desastre militar para os russos.

A chamada “Guerra de Inverno” foi, à primeira vista, uma verdadeira batalha perdida para os finlandeses, eles tinham muito poucos soldados (a maioria nem sequer tinha um uniforme) em comparação com os 2,5 milhões de soldados disponíveis para eles O Exército Vermelho

A maquinaria de combate russa, com seus tanques poderosos e aviões sofisticados, foi, sem dúvida, acrescentada ao batalhão dos homens. Tudo parecia pressagiar que a Finlândia logo seria queimada e conquistaria terras, mas o que os soviéticos não tinham era o feroz caráter finlandês. Foi então que surgiu uma palavra entre os soldados finlandeses que os serviram como uma chave motivacional e, por sua vez, como uma invocação ao seu espírito guerreiro. A palavra mágica era “sisu”.

Esse termo serviu para alimentar a coragem e não se render. Evitar o medo, alimentar a determinação, escapar da insegurança e ganhar força quando, aparentemente, tudo está perdido. Os livros de história dizem que, se os soviéticos caíram, foi por causa do inverno rigoroso e das densas florestas, onde não conseguiram se orientar.

Talvez fosse esse o caso, mas os analistas sabem que algo muito especial aconteceu naquela guerra: os soldados e a população, aliados estrategicamente, criaram pequenos grupos de ataque que semearam um pânico hediondo entre as fileiras russas. Foi então que o que foi chamado de “espírito de inverno finlandês” ou “Sisu” surgiu.

Os 5 componentes do Sisu

Esta atitude que os finlandeses mostram vértebra 5 áreas maravilhosas que valem a pena analisar em detalhe. O músculo psicológico, motivacional e de crescimento pessoal que eles formam juntos, sem dúvida, delineia uma estratégia em que devemos investir tempo e vontade no nosso dia a dia para desenvolvê-lo.

Sugerimos que você tome nota deles:

Gerenciamento adequado do estresse

Todo momento complexo exige de nós estar atento e perceptivo a tudo que nos rodeia. Para ser capaz de obter todos os nossos recursos pessoais para uma dificuldade, um desafio ou um desafio, precisamos gerenciar adequadamente o estresse.

Por outro lado, não podemos esquecer que, embora o estresse seja o mecanismo que nos ajuda a concentrar todos os nossos esforços em uma situação difícil, ele deve estar sempre sob controle e a nosso favor.

Perseverança

A perseverança é um valor excepcional: somos infundidos com a capacidade de sermos pensativos, criativos e decisivos. É também ser capaz de aplacar os pensamentos ruminantes ou exaustivos para concentrar toda a nossa energia naquilo que é importante, naquilo que pode nos beneficiar.

Honestidade

Sisu não é um termo que nos injeta força e valor arbitrariamente, o Sisu nos impele sempre a agir em sintonia com nossos valores e essências, a sermos integrais com nossas raízes, honestos com nossos princípios e necessidades. Estamos, portanto, diante de uma atitude em que somos convidados a implementar a qualidade humana autêntica.

Resiliência

Quando os soldados finlandeses derrotaram os soldados russos, eles não se orgulharam apenas da vitória, derrotando um inimigo tão feroz e poderoso. Aqueles 105 dias serviram para adquirir uma série de aprendizados que foram impressos na palavra “sisu”, que por sua vez, transmitiram às gerações seguintes.

Essa guerra foi uma autêntica lição de resiliência: porque não basta ter coragem para sair de uma situação crítica, não basta sobreviver, o que conta acima de tudo é sair dela e ser um repositório de conhecimento Vitals excepcionais.

O cenário de ideais e metas

Ter um projeto de vida, definindo-nos com ideais, tendo metas no horizonte e firmes ilusões no coração, sem dúvida compõe a pessoa com o espírito “sisu”. Portanto, sempre que esses momentos complicados acontecerem e quiserem nos testar, nada será tão bem-sucedido quanto ajustar nossa bússola interna para nos orientar para o norte, onde estão nossas forças, valores e identidades corajosas.

Para concluir, como pudemos intuir, “sisu” é quase uma proclamação à vida, é a apreciação daquelas dimensões psicológicas que nos tornam pessoas muito mais aptas a enfrentar qualquer desafio, e seres mais fortes e dignos que entendem algo tão básico como essa felicidade, não é algo que vem ou desvanece, é algo a ser conquistado, algo pelo qual devemos lutar diariamente.

Fonte indicada: La Mente es Maravillosa
Imagem de capa: Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here