Sim eu sei que há decisões que partem nosso coração, mas sei também que estas mesmas decisões engradecem a nossa alma.
O que você precisa é decidir. A palavra decisão deriva de “suicídio”, ou seja, você sempre terá de suicidar algo em troca de uma escolha, uma decisão.

Nós sempre sabemos o que é melhor para nós, por vezes pode ser que estejamos um pouco distraídos ou iludidos com a realidade. Se coloque no agora, e pergunte a si mesmo, “o que de fato eu desejo?” “O que de fato me faria feliz?” Se isso inclui a mudança de uma outra pessoa, pode tirando seu cavalinho da chuva. Entenda que a mudança é sempre interna, o giro de chave é nosso, e é a partir desse entendimento e dessa construção desse eu que uma nova realidade mais próspera acontece. Trace um plano de felicidade e não abra mão por nada!

E então, esteja certo do que você quer e não permita que nada abale esta decisão. Só você pode decidir por você e pela a sua felicidade, mais ninguém!

Quando decidimos, convictos do que queremos e merecemos, pulsamos com maior intenção nossos desejos e assim é possível que esta nova realidade se co-crie de forma potencializada.

Onde está a sua energia está o florescimento do que se quer.

A dúvida não permite esse pulso com intensão, e assim o universo não sabe o que trazer pra você diante do não direcionamento energético do seu vórtice.

Então, decida! Suicide o que precisa ser suicidado com muito amor e direcione toda a sua energia para aquilo que você realmente quer e merece.

Nada é, tudo está. E a vida é linda por ser cíclica e nos trazer sempre novos aprendizados pelas experiências pessoais.

Imagem de Pexels por Pixabay

COMPARTILHAR

LIVRO NOVO




Anieli Talon
É jornalista, atriz, locutora, dubladora e tem a comunicação como aliada. Escritora por natureza, tem mania de preencher folhas brancas com textos contagiados por suas inspirações .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here