O Ebola tem sido uma das doenças mais graves que afetam um grande número de pessoas no mundo há décadas. Como no caso do câncer, até o momento não havia medicação que pudesse impedi-lo, sentenciando aqueles que foram diagnosticados por toda a vida. Mas agora os cientistas estão mais perto de encontrar uma cura graças a dois medicamentos que poderiam potencialmente erradicá-lo.

Desde novembro de 2018, os cientistas vêm experimentando dois medicamentos, o mAb114 e o REGN-EB3, na República Democrática do Congo, onde houve um surto significativo do ano de Ebola. Estes mostraram uma taxa de sobrevivência próxima dos 90%, pelo que a Organização Mundial da Saúde decidiu que estes são os únicos medicamentos usados ​​para tratar a doença a partir de agora.

As 499 pessoas que participaram do estudo foram levadas para centros de tratamento médico, desde que os níveis de vírus no sangue ainda fossem baixos. 94% que receberam REGN-EB3 e 89% que receberam mAb114 sobreviveram.

“Resultados preliminares em 499 participantes do estudo indicaram que as pessoas que receberam REGN-EB3 ou mAb114 (ndlr, dois dos quatro medicamentos) tinham maior probabilidade de sobreviver em comparação aos participantes dos outros dois”, afirmaram Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas do Instituto de Saúde dos Estados Unidos.

“Estes são os primeiros medicamentos que, em um estudo cientificamente sólido, demonstraram claramente uma diminuição significativa na mortalidade de pessoas com a doença do vírus Ebola.”

Os resultados finais dos dados coletados serão entregues no final de setembro, quando serão revisados ​​para publicação em revistas médicas.

“É através deste tipo de pesquisa rigorosa e rápida de implementação que podemos identificar rápida e definitivamente os melhores tratamentos e incorporá-los na resposta ao surto de Ebola.”

O chefe do programa de emergência da OMS, Mike Ryan, comentou que esta é uma ótima notícia para todo o mundo e que, embora “nos dê uma nova ferramenta em nossa luta contra o Ebola, mas em si não o deterá”.

Fonte indicada: UPSOCL / Imagem de capa: Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here