Quem vem com coisa boa, é leve, é igual as águas do rio, que se unem para dar força e correr forte, para desaguar em um mesmo lugar.

Quando se está focado em algo bom, em objetivos elevados, com um padrão alto de vibração, equilibrado, harmonizado, completo em você, muitas vezes surgem pessoas com energias estranhas, como vampiros, uma espécie de teste, como se fosse para tirá-lo deste padrão ao qual você se dedicou tanto, e demorou para conseguir.

Essas pessoas se aproximam como uma forma de o desfocar dos seus maiores objetivos, dispersar, e lógico que elas não estão sozinhas. Por elas ainda não conseguirem alcançar melhores vibrações, ficam pairando em uma atmosfera com muita densidade energética e, acompanhadas por influências espirituais que as sugestiona, ainda não conseguem alcançar um bom patamar sozinhos, precisando ficar em volta de pessoas que já possuem uma luz um pouco maior, para absorver o melhor, o amor, o bem, a harmonia. Como se fossem vampiros, querendo absorver tudo de positivo que você batalhou tanto para conquistar, a emanação do melhor que agora existe em você. Porque tudo é energia e troca de energia.

Muitas vezes não percebemos isso. Observe, estude, esteja muito atento. Tudo isso é sério demais. Cada um tem a responsabilidade por transformar o mal em bem, trazer luz a sua vida, mesmo diante de muitas dificuldades, dores que vivenciamos. Cada pessoa tem recursos para evoluir e se transformar.

Quem vem para somar, não lhe tira do foco, não é decréscimo, não traz mal-estar, não o deixa cansado, não o confunde ao ponto de energeticamente lhe dificultar emoções.

Quem vem com coisa boa, é leve, é igual as águas do rio, que se unem para dar força e correr forte, para desaguar em um mesmo lugar. Nada o consegue parar, corre bonito, unido, livre de todo e qualquer entrave. Vai no único objetivo de desaguar, de passar, de fluir.

Então, tudo que não me acrescenta, que me eleva, dou a devida distância. Todas as pessoas que se aproximam e não querem ou não conseguem vibrar em uma sintonia elevada, a qual eu já possuo e trabalhei muito para conseguir, não me interessa ter por perto, simples assim. Falo isso de forma espiritual também, que cada um busque se aprimorar e se elevar.

Lógico que quando estamos um pouco mais em paz, melhores, podemos dar as mãos para ajudar, contribuir com outros que ainda estão com dificuldades, sinto-me bem em fazer isso, mas quando a pessoa realmente deseja melhorar, não nos faz de muleta ou “Salvador da Pátria”.

Se a pessoa suga tudo é porque não quer fazer nenhum esforço, quer tudo de bandeja, ou pior, ela o puxa para baixo. Só quer se aproveitar da sua energia. Isso é que não dá!

Há muito tempo um amigo me disse: “Se uma pessoa está literalmente em um fundo de poço e lhe pede ajuda, você pega uma corda joga para ajudá-lo a sair de lá, joga a corda para a pessoa, faz força puxando a corda, em um movimento para ela conseguir subir, ao invés dela subir, mesmo com toda força que está fazendo para ajudá-la, você é arrastado em uma força contrária, para cair no poço, a pessoa o está puxando para lá, ao invés de contribuir para emergir. Meu amigo, então, fez uma pergunta crucial: “Neste momento continua segurando a corda, com risco de cair também, e serem dois no fundo do poço, ou solta, para se salvar?

É disso que estou falando, uma reflexão para todos nós e também a possibilidade de identificarmos estas pessoas, das que realmente estão interessadas em melhorar, em serem ajudadas.

Perceba tudo que não comungue com todos os seus esforços, porque não dá para ficarmos doando energias preciosas para qualquer um que apareça.

A pessoa não se interessa em buscar, em trabalhar pelo seu melhor, e ainda aparece para sugar a sua luz. Não quer se esforçar, quer na bandeja, assim não dá, meu bem!

Construa o seu jardim, plante suas flores. Podemos somar, até ajudar, quando a pessoa já entende que ela tem que fazer acontecer, que não existem bengalas, precisa se esforçar para brilhar muito e bonito! Fazer acontecer em sua vida com dedicação, com vontade, desta forma é possível nos dispormos a contribuir.

Boas energias, alegrias e muito boas vibrações para todos que buscam, acreditam e se esforçam por transformar o que não estiver bom, em algo muito melhor.

Muito Axé! Pode entrar, a porta estará sempre aberta para estas pessoas. Vamos somar energias, força, paz, amor e luz. Para a cura e ascensão planetária.

Foto de Andressa Voltolini em Unsplash

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Patricia Tavares
Sou Psicóloga e Reikiana nível 2, trabalho há 20 anos em consultório com psicoterapia, hipnose clínica. Já trabalhei em hospital, núcleo de violência da mulher. Acredito na vida, no amor, nos bons sentimentos, no perdão, na beleza da alma, na superação, no ressignificar, na humanidade. Adoro escrever e falar sobre sentimentos, superações, motivar pessoas, conseguir promover o melhor, despertar o que possa ser maravilhoso em cada um de nós e libertar pessoas de suas prisões emocionais, com uma nova e especial forma de viver, independente dos acontecimentos da vida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here