Com todos os problemas e adversidades que a humanidade enfrenta hoje, pode ser praticamente impossível viver uma vida plena, amar, sonhar e rir em vez de constantemente deixar-se passar pelo sofrimento, torna-se uma tarefa árdua, especialmente para as pessoas que geralmente são extremamente suscetíveis ao que acontece ao redor do mundo.

No entanto, não há pretensão de ser insensível e indolente a tudo o que acontece, basta fazer o exercício através deste artigo, para limpar alguns segundos nossa mente e se manter longe de todos os pensamentos que nos causam dor e sofrimento, de todos os problemas para o qual pensamos que não há solução e para cada infelicidade que acreditamos invadir nossa vida em um determinado momento, simplesmente paremos de pensar neste momento…

Haverá sempre causas e razões que geram dor, que geram tristeza e nos colocam em situação de adversidade, no entanto, uma vez que clareamos a mente desses pensamentos, trazemos para nossa vida tudo aquilo que nos dá felicidade, que nos dá prazer, todos os nossos sonhos, tudo que produz amor e tudo o que em um momento ou sempre evoca nosso riso…

Que essas sensações invadam a nossa vida, regozijemo-nos com cada gesto de amor, com cada sorriso que nos foi dado, com cada mão amiga e com cada momento de bem-estar que entrou na nossa existência, tomemos um segundo fôlego e recuperemos a nossa força. não podemos viver constantemente em sofrimento, não podemos fazer dor em nossa penumbra, devemos saber nos banhar e deixar que as melhores influências toquem nossa alma e alcancem nossa vida e se manifestem com totalidade.

Quando vivemos comprometidos com a dor e o sofrimento, perdemos muitos momentos da vida presente. Deixemos de lado toda a tristeza, toda a depressão e toda a nostalgia, abrindo caminho e espaço para todas as coisas maravilhosas que existem em nossas vidas e do que com certeza, mesmo nos dias mais desafortunados, exista uma semente mínima de bem-estar, de motivação, porque em essência todos compartilhamos a mesma luz, então é impossível que não haja nenhum ser humano que não possa tirar proveito desse amor-próprio. Aproveite esta oportunidade que lhe dá vida e inicie um novo despertar em você: ame, ria e sonhe, não desista desse prazer que também não tem custo…

Texto traduzido e adaptado do site Rincón del Tibet

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here