As mágoas são tóxicas e corroem as engrenagens do nosso corpo, da mente e do nosso coração.

É muito importante deixar efetivamente para trás quaisquer sentimentos dolorosos, de ressentimento, de discórdia, de confusão. E entender a máxima: o que passou, passou.

Por mais que algo tenha sido difícil, ou até mesmo importante, aconteceu em um momento passado, dificultou-nos e impediu. Isso agora é passado. Perdoe-se, perdoe o seu passado, os equívocos, perdoe as pessoas, perdoe a vida. Tempo é vida.

Pensar, sentir, atualizar os sentimentos no exato momento em que se vive é providencial e profilático. O dia de hoje é fonte de cura, de renascimento, de reconstrução, independente do que tenha ocorrido ontem.

A vida, Deus, o universo, nos presenteiam com um dia novo, totalmente em branco para iniciarmos uma etapa de nossas vidas.

Para quê perder tempo com o que não tem mais vez, nem importância?! Deixe espaço em seu coração para que o melhor possa surgir, vir, acontecer. Deixe para trás o passado, como um filme, uma história que acabou. E comece a brilhar intensamente, pensando no aqui e agora. Deixe as pessoas que não comungam com seus interesses, objetivos e sentimentos, no passado. Distancie-se totalmente, dando oportunidades para coisas e pessoas que estão se aproximando de você neste momento. Pessoas que, com os acontecimentos atuais, se aproximam de você e comungam com seus interesses, sentimentos, objetivos, desejos e sonhos.

Dê as mãos ao seu presente, dê as mãos ao que faz o seu coração mais feliz, mais amável, mais doce. O que faz o seu olho brilhar. Dê as mãos ao que lhe faz melhor, ao que o faz sorrir.

Deixe todo o resto para trás, solte as correntes, os grilhões da prisão de dores, frustrações, mágoas. A natureza, a vida e o universo se encarregam de tudo.

Conscientização, pensamentos, vibrações em tudo o que possa ser para enaltecimento, engrandecimento, crescimento. Tudo o que for contrário a isso e que nos impede e dificulta, não tem mais vez. Acabou!

Foto de Andre Furtado da Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Patricia Tavares
Sou Psicóloga e Reikiana nível 2, trabalho há 20 anos em consultório com psicoterapia, hipnose clínica. Já trabalhei em hospital, núcleo de violência da mulher. Acredito na vida, no amor, nos bons sentimentos, no perdão, na beleza da alma, na superação, no ressignificar, na humanidade. Adoro escrever e falar sobre sentimentos, superações, motivar pessoas, conseguir promover o melhor, despertar o que possa ser maravilhoso em cada um de nós e libertar pessoas de suas prisões emocionais, com uma nova e especial forma de viver, independente dos acontecimentos da vida.

1 COMENTÁRIO

  1. Pessoas que se magoam carregam o lixo mental que deveria ser varrido e não, guardado. Conservar dissabores é manter na dispensa mental os produtos deteriorados e fora da validade, porque já passaram, já eram, bora jogar no lixo. O mesmo cuidado com que se escolhem frutas e legumes no Mercado, observando se estão perfeitos, deve-se ter com emoções e sentimentos, para que não contaminem nosso tempo de viver e não nos adoeça quando ingeridos. Água corrente e pura dessedenta mas água turva, suja e contaminada não deve ser ingerida, sob o risco de graves consequências. Temos sede de compartilhamentos e fome de presenças mas imprescindível, para o nosso bem, com muito cuidado escolhermos QUAIS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here