Geralmente não ficamos sabendo do caminho que alguns artistas tiveram que atravessar para chegar à fama. Eles são gente como a gente e alguns simplesmente podem não tiveram apoio dos pais. Já outros pode ter recebido suporte de grandes expoentes, enquanto outros mais tiveram que vir de bem abaixo para chegar ao topo.

Com isto não queremos dizer que aqueles que já começaram bem não merecem reconhecimento, mas devemos confessar que ficamos mais satisfeitos quando alguém que sofreu muito recebe, finalmente, suas recompensas. Esse é o caso de Keanu Reeves, que recentemente colocou suas mãos e sua assinatura no cimento da Calçada da Fama de Hollywood.


Para aqueles que não sabem, Keanu nasceu no Líbano. Ele era uma criança imigrante que presenciando atos de um pai abusivo que maltratava sua mãe e que depois abandonou a família. Mais tarde, aos 15 anos, com auxílio de seu padrasto ele entrou no mundo da arte e do entretenimento como assistente de produção.

Nos anos 90 começariam suas perdas: seu melhor amigo River Phoenix (irmão de Joaquin Phoenix) morre de overdose, em 1999 sua filha também parte, e em 2001 ele perde sua ex-esposa e o amor de sua vida Jennifer Syme. Sua irmã foi diagnosticada com câncer, e apesar de tudo o que Keanu passou, ele persistiu e nunca desanimou.

Hoje, o ator reconhecido por Matrix e John Wick desfruta de uma homenagem com alguns de seus amigos, como Halle Berry e Laurence Fishburne.


“É uma grande honra estar aqui e ser convidado para este lugar excepcional, histórico e mágico”, disse Reeves, de acordo com a EFE.

Aos 54 anos, ele continua a brilhar na sétima arte, sua história comovente, sua luta e seu talento lhe renderam reconhecimento por Hollywood e para seus fãs, ele já tem um lugar em nossos corações.

Traduzido pela CONTI outra, do original de UPSOCL.

Veja também: Keanu Reeves tem 50 anos e parece mais bonito do que nunca em uma nova sessão de fotos para a GQ Magazine

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here