Uma multidão de pessoas em uma aldeia na Índia atacou brutalmente um elefante e seu pequeno filhote, lançando bombas incendiárias em animais que se moviam depois de passear em terras agrícolas.

As fotografias mostraram a triste realidade dos dois elefantes atravessando uma estrada, enquanto fugiam de um grupo de homens que enviavam mísseis para as chamas.

O incidente, na aldeia de Bishnupur, um assentamento remoto em Bengala Ocidental, parece ser parte de um fenômeno cada vez mais comum no país, onde anteriormente os elefantes eram considerados um ícone cultural.

No entanto, o crescente desmatamento na Índia fez com que os animais selvagens tivessem menos espaço para viver e é justamente esse ponto que causou um conflito com os moradores humanos do local.

As imagens foram capturadas por Biplab Hazra e expõem uma dura verdade, onde a violência com que os humanos agem, é o principal problema com espécies que estão em perigo de extinção.

“Há muitos corredores de elefantes em quartos humanos. Estou tentando mostrar isso e divulgar minhas fotos para conscientizar o público sobre o assunto “, disse Hazra ao Independent.

Os elefantes ficaram apavorados e correram pela estrada, enquanto os aldeões jogavam as pedras e algumas tochas como forma de assustá-las do local.

O número de elefantes indianos declinou drasticamente nas últimas décadas, por isso este é um problema sério que deve ser tratado o mais rapidamente possível e de forma adequada.

Tradução do site UPSOCL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

2 COMENTÁRIOS

  1. Humanos que não respeitam e protegem a maternidade de qualquer espécie animal, não deveriam merecer o privilégio de nascerem através de uma mãe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here