Não há nada mais exaustivo do que ouvir uma pessoa criticar e mal-estar contra tudo o que se move. Além disso, viver cercado por esse negativismo peculiar nos faz sentir sem esperança, porque as palavras e atitudes de um crítico são como vírus que entram em nossa mente.

Das pessoas que criticam em excesso é melhor fugir, porque nos envenenam e nos afogam de tal maneira que nos fazem desequilibrar. O preço de viver em tranquilidade é incalculável, por isso não devemos permitir que alguém viole nosso espaço físico e psicológico.

Pessoas felizes não atacam os outros

Quanto tempo você gasta por dia ouvindo críticas ruins? Muito? Pouco? Bem, é hora de dar um passo para o lado e fugir de certas situações ou pessoas. Eles estão colocando em perigo seu bem-estar e seu equilíbrio emocional.

Ou seja, se, em vez de apontar os outros, nos preocupássemos em corrigir os erros que nos pertencem, chegaríamos a um nível melhor de bem-estar emocional. Portanto, devemos nos aperfeiçoar na ordem pessoal, para ganharmos em sinceridade e respeito tanto quanto em humildade, generosidade e honestidade.

Não somos perfeitos e não devemos fingir que somos, mas é importante manter uma atitude de constante aperfeiçoamento que nos oferece a possibilidade de viver a vida sem nos submetermos aos estados emocionais dos outros.

O que as outras pessoas pensam de você é a realidade delas, não a sua

Há pessoas que dão suas opiniões sobre nós, sobre nossa vida, sobre nossas decisões ou sobre qualquer questão de nossas rotinas. Eles fazem isso, sem o nosso pedido. Eles tendem a ter opiniões maliciosas ou sem qualquer critério cujo único objetivo é ferir, menosprezar e apreciar a dor dos outros.

Geralmente, são pessoas com baixa auto-estima que não se aceitam, então dificilmente podem aceitar os outros. Essas pessoas colocam rótulos que refletem a realidade de como se sentem, projetando assim suas dificuldades emocionais.

O dano emocional da crítica

Não preste atenção às coisas que os outros fazem ou não fazem, preste atenção ao que você faz ou não faz. – Buda

Comece a curar sua ferida emocional, sabendo que cada um de nós é único e excepcional. Para viver, você não precisa da opinião de ninguém. Na verdade, você é uma pessoa adulta que, em seus plenos poderes, pode tomar decisões por si mesma. Faça suas emoções e seus sentimentos os que valem a pena, perca o medo de sentir e pensar por si mesmo.

Ouvir críticas ruins e fofocas constantemente satura qualquer um, mas se não é você quem está fazendo isso, não se esqueça que a crítica infundada traz consigo grande pobreza emocional no mundo interno daqueles que a realizam. Se a pessoa não se permite ser enriquecida, se vive isolada em seus ressentimentos e não permite nenhum tipo de ajuda, convém ser emocionalmente egoísta. Afaste-se, fique feliz e proteja sua vida interior.

***

TEXTO TRADUZIDO DE LA MENTE ES MARAVILLOSA, VIA PSICOLOGIAS DO BRASIL

Foto de Ben White no Unsplash

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



LIVRO NOVO




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

1 COMENTÁRIO

  1. “Pessoas felizes não atacam os outros”. Verdade: elas amam. Pessoas ocupadas também, não têm tempo de criticar ou reprovar a conduta alheia porque vivem aplaudindo a vida e brindando à felicidade, trabalhando pela manutenção da própria serenidade tanto quanto da paz de todos os seres, porque, humildes, não fazem questão disso, mas são superiores. Diante delas, pressentimos seu valor, porque exalam “um perfume” do que são e adquiriram, impresso, invisível mas presente em sua luminosa aura que beneficia por onde passam, iluminando sombras, ao invés de disseminá-las. Melhor afastar-se de pessoas negativas que criticam outras, porque nos criticarão também, ao virarmos as costas, vinculadas em si mesmas, enrodilhadas em suas exigências e críticas, capazes de adoecer os incautos que lhes dêem a atenção que não merecem ter, porque não a souberam conquistar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here