Você já se perguntou quais são os benefícios do bom humor? Quando estamos de bom humor, as dúvidas parecem desaparecer e as tempestades de nossa mente parecem diminuir. O sorriso é um presente misterioso da natureza que todos têm desde o nascimento. Paradoxalmente, apesar de termos nascido chorando, pertencemos às espécies de homo ridens.

Humor tem sido discutido desde o início dos tempos e é um tema que abrange diferentes campos. Está intimamente relacionado com as origens antropológicas do ser humano e suas diferentes manifestações. Está presente na literatura, no cinema, nos quadrinhos, nas piadas, nos cartuns, na magia, etc. Nas palavras do psicólogo Rojas Marcos (1998), a única condição para rir com o gosto é estar livre da dor. de tristeza e desfrute de um clima agradável. O sorriso é como o ronronar dos gatos: só se manifesta quando somos felizes.

Humor e ciência

Com o desenvolvimento das ciências humanas, a pesquisa científica sobre o humor também se desenvolveu. O próprio Freud dedicou algumas páginas de sua obra a esse assunto. O lema do espírito e sua relação com o inconsciente.

No entanto, foi apenas há cerca de trinta anos que os psicólogos começaram a estudar o humor, incluindo-o entre os comportamentos humanos. Até então, o humor era considerado menos importante em comparação com outros temas da psicologia social e clínica.

Por outro lado, parece oportuno sublinhar que os estudos e trabalhos de pesquisa sobre humor hoje se multiplicaram. Existem até revistas especializadas como o Humor: International Journal. O que é este “boom” da pesquisa científica sobre humor? A resposta é clara: o humor cura, cura e envolve a gente.

O que é humor?

A natureza do humor é livre, imprevisível e surpreendente. Segundo Angel Rodriguez Idigoras, incluí-lo em poucas palavras seria uma atrocidade e uma contradição. O dramaturgo Jardel Ponciela afirmou que definir humor é como tentar cruzar as asas de uma borboleta com um poste telefônico.

Então, o que é humor? Segundo Mingote, o humor não é ter medo de pensar. Portanto, não tem que levar ao riso nem ao sorriso. A tarefa do humor é simplesmente mostrar-nos que as coisas podem ser vistas de um ponto de vista muito diferente do que estamos acostumados. Ela nos separa do nosso hábito de nos tornar guias em uma jornada para lugares que nunca teríamos considerado.

Os benefícios do humor para a mente

O humor é uma atividade intelectual. Seu mau funcionamento pode contribuir para alterar a saúde mental das pessoas. No entanto, o bom humor pode ser inestimável na prevenção e tratamento de certos transtornos mentais. Vemos abaixo quais são os benefícios que nossa mente pode tirar ao ver o lado divertido das coisas:

Ensina você a ser menos arrogante

E, portanto, mais humilde. É que, como Jaume Perich disse em uma de suas piadas, se comparássemos a imensidão do mar e do homem, o homem certamente perderia. Com essa sentença, o autor quis enfatizar a insignificância da espécie humana que, no entanto, é considerada inteligente.

Quando usamos o humor, nos livramos da arrogância. Tornamos visíveis os defeitos que normalmente tentamos esconder. Em suma, nos mostramos ser menos arrogantes e mais humildes.

Ajuda a encontrar soluções para os problemas da vida cotidiana

Outro dos muitos benefícios do humor é a capacidade de encontrar saídas inesperadas mesmo quando estamos diante de um beco sem saída. Para usar o humor, você precisa ter um pouco de engenho, inteligência e espontaneidade.

Portanto, o humor pode nos ajudar a resolver problemas. Graças a isso, podemos encontrar maneiras que de outra forma nunca nos teriam ocorrido. Além disso, quando estamos de bom humor, vemos tudo em cores, com otimismo renovado.

Ajuda a se adaptar às mudanças

Qualquer nova situação pode ser interpretada pelo nosso cérebro como uma ameaça. Através do humor, podemos expressar idéias desagradáveis ​​para serem entendidas por aqueles que nos ouvem sem se sentir ofendido. Pode nos ajudar a apresentar a outras pessoas realidades das quais elas ainda não estão conscientes ou que não podem admitir.

Tem sido assim desde os tempos antigos; Como sabemos, nas antigas cortes reais, os únicos que podiam criticar o rei eram os bobos da corte. Cobertos por seu papel de artistas cômicos, eles podiam discordar das leis do palácio real.

Aqueles listados são apenas alguns dos benefícios do humor. Claramente existem muitos outros. Portanto, deixamos a você para descobri-los fazendo bom uso dessa preciosa qualidade.

Traduzido e adaptado do site lamenteemeravigliosa

Imagem de capa: Pexels

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




A Soma de Todos Afetos
Blog oficial da escritora Fabíola Simões que, em 2015, publicou seu primeiro livro: "A Soma de todos Afetos".

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here