Li um pequeno trecho do livro “Presente e Futuro” de Carl Jung e fiquei refletindo sobre a evolução da humanidade, que se trata de um processo constante e gradual extremamente lento. Quero com essa reflexão trazer um olhar psicológico profundo, para que você mantenha a esperança e acima de tudo, mantenha seus princípios éticos, sempre buscando evoluir como ser humano. Segue as suas palavras…

*******

“A transformação espiritual da humanidade ocorre de maneira vagarosa e imperceptível, através de passos mínimos no decorrer de milênios, e não é acelerada ou retardada por nenhum tipo de processo racional de reflexão e, muito menos, efetivada numa mesma geração. Todavia, o que está a nosso alcance é a transformação dos indivíduos singulares, os quais dispõem da possibilidade de influenciar outros indivíduos igualmente sensatos de seu meio mais próximo e, às vezes, do meio mais distante. Não me refiro aqui a uma persuasão ou pregação, mas apenas ao fato da experiência de que aquele que alcançou uma compreensão de suas próprias ações e, desse modo, teve acesso ao inconsciente, exerce, mesmo sem querer, uma influência sobre o seu meio.”

Carl Jung

*******

Ao ler essas palavras me lembrei dos grandes seres de luz que já passaram por esse planeta e o poder imenso de influência que eles tinham. Agora tem um detalhe que vale ser frisado. Ele explica que se pode influenciar os indivíduos igualmente sensatos que estejam próximos. Em outras palavras, só conseguimos influenciar quem está vibrando de forma parecida com a gente.

Um exemplo perfeito disso é o mestre Jesus Cristo. Ele tinha uma força interior, um brilho no olhar e uma energia tão impactante que a maioria das pessoas sentia isso imediatamente. No entanto, existiam pessoas de uma insensibilidade tão absurda que olhavam para ele apenas como um homem qualquer, um mero carpinteiro que sabia se expressar com argúcia.

Se era assim no tempo de Jesus, por que seria diferente hoje? Na escala cósmica 2000 anos não quer dizer muita coisa!

Dessa forma, uma lição que extraí dessas palavras e quero compartilhar com você é que desenvolva mais a sensibilidade para perceber se você está diante de alguém ainda entorpecido no território das emoções. Porque, por mais bem intencionado que você seja, não conseguirá influenciar como gostaria! Em relação a essas pessoas, muito mais importante do que as palavras, são os gestos e as atitudes.

Elas vendo a forma que você se comporta, a forma como gesticula, como olha nos olhos das pessoas, como realiza o seu trabalho etc. Isso sim tem um poder de influência grande!

É genial quando ele fala sobre persuasão ou pregação. Nessa hora aproveito até para fazer uma crítica sutil às pessoas que são fanáticas dentro das suas religiões. Elas pregam todos os dias, fazem peregrinações, evangelização, retiros, jejuns etc. etc. mas fazem isso de uma forma espetacularizada entende?

Elas vivem uma auto-ilusão tremenda e pelo próprio processo evolutivo da humanidade, dentro de certo tempo essas pessoas não terão mais nenhum espaço, porque elas cairão na real de que não conseguirão influenciar as pessoas, ou me utilizando de uma palavra mais religiosa, elas não conseguirão mais “converter” seus interlocutores…

Todos os dias eu lembro as palavras do artista de rua Eduardo Marinho. Ele sempre diz nos seus vídeos que não existe ser EVOLUÍDO, existe ser EVOLUINDO. Muito menos existe sociedade evoluída, mas sim evoluindo.

Se compararmos o mundo de hoje com o mundo de 2000, 3000, 4000 anos atrás. Estamos sim, bem melhores, as condições de vida estão melhorando e estamos evoluindo espiritualmente, mas esse processo de dá de forma bastante lenta.

Esse é um texto póstumo. Mesmo depois que eu morrer, seja lá quando for, e esse texto for resgatado, alguém vai ler e dizer: “Uau! Isso é interessante…”. Exatamente porque se trata desse processo constante de evolução, lento, porém transformador.

Como sempre digo, trabalhe em você, no seu próprio mundo interno. Transforme a si mesmo, e dessa forma, mesmo sem dizer uma única palavra, você conseguirá influenciar por onde for apenas pela sua presença…

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Isaias Costa
Bacharel em Física. Mestre em Engenharia Mecânica e Psicanalista clínico. Trabalha como professor de Física e Matemática, mas não deixa de alimentar o seu lado das Humanas estudando a mente humana e seus mistérios, ouvindo seus pacientes e compartilhando conhecimentos em seu blog "Para além do agora", no qual escreve desde 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here